24/06/2020 às 20h12min - Atualizada em 24/06/2020 às 19h50min

Descobrindo o Lago Paranoá

Os cinco melhores lugares para conhecer Brasília

Mariana Albernaz - Alexandra Machado
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília
   O Distrito Federal, além de abrigar Brasília, a capital federal, também é lar de muitas outras cidades satélites. Existem cantinhos escondidos e de extrema beleza espalhados por lá, mas o mais conhecido (e não tão secreto assim) é o Lago Paranoá. Apesar de ser artificial, seus encantos são bastante reais. É um dos pontos turísticos que mais atrai visitantes, porque além da bela paisagem, existem ainda diversas opções de lazer.

   O Lago também possui uma fauna bastante diversificada, sendo encontrados ali animais como tartarugas, capivaras e até pequenos jacarés. Existem diversos clubes ao redor, que inclusive abrigam alguns projetos esportivos. Aqui vai uma lista com os melhores locais, com entrada gratuita ou de espaço aberto, para aproveitar a vista e relaxar. Quando a pandemia passar, escolha o seu favorito, desfrute do ar fresco e da variedade de atividades possíveis.
 
1. Calçadão da Asa Norte (Deck Norte)
 

Um dos decks existentes à beira do Lago, esse é localizado no fim da Asa Norte, perto da Ponte do Braghetto. Lá, encontram-se barraquinhas de comida, parquinho infantil e ainda tendas para aluguel de equipamentos náuticos para Stand Up Paddle (SUP), caiaque e outros esportes.
 
2. Deck Sul
 
Inaugurado em 2017, sob o nome de Parque dos Pioneiros Cláudio Sant’Anna, com um espaço de 80 mil metros quadrados, o local fica na orla da Ponte JK. Um deck de madeira, com mais de 500 metros de extensão, compõe a paisagem às margens do Lago. Com ciclovia, pista de cooper e de skate, circuito com aparelhos de ginástica, parques infantis, quadras de vôlei e poliesportiva, o lugar é uma ótima opção para lazer.
 
3. Ermida Dom Bosco
 
Localizada no fim do Lago Sul, a Ermida tem ruas íngremes, muito procuradas por skatistas. O local serve, também, para a realização de triátlons, eventos compostos pela realização de três atividades esportivas (natação, ciclismo e corrida). Um dos pontos turísticos mais antigos, com uma bela vista para o pôr do sol, possui pontos mais altos para observação e ainda abriga o monumento “Eu Amo Brasília”, que é cenário comum nas fotografias. Com grandes extensões de gramado, os visitantes costumam estender cangas e aproveitar a vista.
 
4. Pontão do Lago Sul
 
Inaugurado em 2002, possui um amplo estacionamento gratuito, é um espaço fechado, perto da Ponte Honestino Guimarães, no Lago Sul, cercado por bares e restaurantes. Se o visitante não desejar consumir no local, pode passear pela área. O lugar conta ainda com parques infantis e bancos espalhados pelos longos calçadões à margem do Lago Paranoá. É outra excelente escolha para ver o pôr do sol. Há, também, uma tenda para aluguel de de pranchas de SUP e caiaques. Em alguns finais de semana, acontece a realização de feirinhas no Pontão.

5. Projeto Praia do Cerrado
 
Localizada do lado oposto da rua do Pontão, é outro lugar procurado para a prática de esportes náuticos. Os visitantes também podem estender cangas no local, aproveitando a sombra das árvores. Considerado mais rústico, tem até areia para que os turistas se sintam em uma praia dentro do Cerrado, no meio do Planalto Central.

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »