01/12/2020 às 14h46min - Atualizada em 01/12/2020 às 14h44min

Jogador do sub-20 do Internacional diz em vídeo que dopou mulher em festa

Internacional comunica o término do contrato dos atletas Matheus Monteiro e Luiz Vinícius, ambos atletas da categoria sub-20

Bianca Costa - editado por Thamyres Pontes
Após vídeo polêmico, Matheus Monteiro e Luiz Vinícius tiveram contrato rescindido com o Internacional. Foto: Montagem/ Divulgação Internacional
Na noite da última segunda-feira (30), um vídeo começou a circular nas redes sociais. O atacante Matheus Monteiro, do time Sub-20 do Internacional, foi gravado pelo seu colega de time, Luiz Vinícius, dizendo ter drogado uma garota com esctasy em uma festa, droga conhecida como bala que aumenta a sensação de euforia e prazer nas pessoas.

"Eu coloquei uma bala no copo dela, e ela ficou daquele jeito. Nem se ligou na cena, ela bebendo aqui, eu peguei o copo dela, quebrei um pedacinho e larguei ali. Ela ficou mal. E eu entrei para o quarto, ela de lá [vídeo é cortado]", afirmou o jogador de 20 anos, em vídeo postado nos stories do Instagram
Logo após a repercussão do caso, Luiz Vinícius, que postou o vídeo, apagou a publicação e mudou o seu nome na rede social. Já o atacante Matheus, que aparece na filmagem, desativou os comentários do seu perfil.


Em depoimento à Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam), o atleta afirmou à delegada Jeiselaure Rocha que o vídeo era apenas uma brincadeira e que nada do que foi relatado aconteceu. Porém, caso haja comprovação da existência da relação sexual sem o consentimento da vítima, o atacante Matheus Monteiro pode responder por estupro de vulnerável e ter pena de oito a 15 anos de prisão. 

A situação de Matheus Monteiro é ainda mais complicada, o mesmo já tem acusação de violência doméstica contra a mãe do seu filho, enquanto estava grávida. Entretanto, a delegada Jeiselaure Rocha informou que foi oferecida uma medida protetiva à companheira de Matheus, mas foi negada por ela. Ainda, a delegada afirmou que o jogador é usuário de drogas. 

Na internet, várias torcedoras do Internacional se manifestaram contra os jogadores, em apoio a vítima. "Eu, como torcedora e sócia, exijo que o Internacional rescinda contrato com o Matheus Monteiro após o vídeo em que ele declara que violou o corpo e a saúde de uma menina usando entorpecentes. Clube que preza pela vida das mulheres não pode se calar neste momento!", disse a torcedora Colorada Leticia Camargo

Em julho, Coudet, técnico do clube na época, promoveu o jovem para o time principal. Apesar disso, o jogador não chegou a estrear pelo profissional. Entretanto, Matheus Monteiro foi um dos destaques do elenco campeão do Internacional na Copa São Paulo de Futebol Júnior no começo do ano, anotando três gols na competição. 

Na manhã de terça-feira (1), o Sport Club Internacional comunicou a imprensa o término da relação contratual com os atletas Matheus Monteiro e Luiz Vinícius, além disso, afirmou que estaria tratando do assunto internamente. “A partir do momento em que recebemos o vídeo iniciamos o tratamento do assunto internamente e hoje pela manhã tivemos o desfecho do caso com o término da relação contratual. Sigo acreditando e imbuído na formação do cidadão, acima do futebolista”, afirmou o diretor da base Fabrício Delaix


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »