01/12/2021 às 21h50min - Atualizada em 29/11/2021 às 19h27min

A jornada de Kim Petras na vida e na música

Vem conhecer mais sobre a primeira cantora transgênero a se apresentar no Europe Music Awards!

Carol Sales - editado por Luhê Ramos
A alemã está trazendo um pop chiclete que está em falta atualmente. | Foto: divulgação.

Kim Petras traz um pop chiclete que é um refresco para os ouvidos. Aos 29 anos, a alemã está ganhando notoriedade por meio de sua música. No entanto, ela é conhecida desde nova em seu país, mas por outro motivo.

 

A identificação como menina e transição na adolescência

Kim nasceu na cidade de Colônia, atendendo por Tim. Na verdade, nunca se identificou como menino e percebeu isso desde bem cedo. Aos dois anos de idade, começou a insistir que era uma garota e, por sorte, seus pais lhe apoiaram desde sempre.
 

A transição começou aos 12 anos de idade, tomando hormônios femininos. Um ano depois, tornou-se conhecida na Alemanha por participar de um programa sobre identidade de gênero. O seu processo de transição teve uma grande etapa aos 16, quando Kim passou pela cirurgia de redesignação sexual e foi considerada a pessoa mais jovem do mundo a fazê-la.

Primeiros anos na música

Além de ter certeza que era uma menina, outra coisa forte em Kim era em relação à paixão pela música. Desde os 12 anos, ela começou a escrever suas próprias faixas. Em 2008, lançou seus dois primeiros singles: Fade Away e When Dreams Come True.
 

Três anos depois, após um breve hiato, a alemã lançou o EP One Piece of Tape, que tinha como single a faixa homônima. No entanto, ele não consta na discografia oficial.  Além disso, ao longo de 2013, Petras trabalhou com produtores incluindo The Stereotypes e Aaron Joseph, e lançando STFU no SoundCloud no ano seguinte.
 

Um maior alcance internacional

Petras lançou seu primeiro single internacional em 2017, I Don't Want It At All. Ele alcançou a parada viral global do Spotify. Além disso, durante o final do mesmo ano, a artista foi apontada "com maior probabilidade de dominar as paradas pop" pela Paper Magazine.


Outro lançamento de destaque foi o EP Turn Off The Light vol.1, no ano seguinte. Inspirado no Halloween, ele foi uma quebra nos trabalhos de um pop alegre que Kim vinha trazendo (e está em falta na indústria musical). No entanto, não deixa de apresentar um bom nível de qualidade, com batidas tecnológicas, robotizadas e um pouco mais agressivas, perfeito para uma festa do Dia das Bruxas. Em 2019, ela lançou outra parte do Turn Off The Light, unindo com a anterior e fazendo do EP um álbum.

O álbum de estreia, Clarity

Antes do Turn Off The Light se tornar um álbum, o Clarity veio para ser o debut. Ele traz tanto músicas mais leves, como a faixa título, quanto letras que falam de corações partidos, como Icy. Vale destacar também que Personal Hell, por exemplo, tira a aura de princesa pop que Petras traz consigo. Apesar de não ser tão marcante e revolucionário, no geral é um álbum interessante de se ouvir.
Apesar de Clarity ter uma tônica diferente de um pop alegre, ele é parte da personalidade de Kim e esse estilo será o das suas próximas músicas. No último 27 de agosto, a alemã lançou o single Future Starts Now. A faixa traz um pop chiclete acompanhado de um ótimo clipe. Além disso, a cantora o performou no pré show do VMA (Video Music Awards) em 12 de setembro.
 

Na ocasião, Kim trouxe uma performance interessante, com estética de chiclete, muito rosa e carisma. Essa tônica nos trabalhos dela parece ser tendência, e por sinal, mais bubblegum pop está vindo aí.

 

A apresentação da primeira transgênero no EMA

No último dia 14, Petras se apresentou no EMA (Europe Music Awards). Com isso, se tornou a primeira transgênero a performar na história da premiação. Dessa vez, trouxe um medley de Coconuts e Hit It From The Back.
 

Ambas são músicas inéditas e Kim trouxe muita coreografia, que lembra apresentações icônicas dos anos 2000, como as de Britney Spears. E falando em Coconuts, o lançamento da música inicialmente seria em 21 de janeiro. No entanto, a música está ganhando destaque no TikTok mesmo sem ter sido oficialmente lançada.

 

Somado a isso, pôde se notar uma reação positiva, com o público pedindo a antecipação de seu lançamento. Dito e feito. Percebendo ambas as situações, a gravadora da cantora, Republic Records, concordou em antecipar o lançamento do single. Agora, Coconuts estará disponível já no dia 3 de dezembro. Vamos acompanhar os próximos passos de Kim Petras, que pelo jeito, trará muita coisa boa pra gente.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »