07/08/2019 às 18h50min - Atualizada em 07/08/2019 às 18h50min

5 Países para realizar intercâmbio de inglês com baixo custo

Mariana Gomes - Diego Araujo
https://images.dailyhive.com/20180313073457/shutterstock_116618521.jpg

Realizar um intercâmbio é o sonho de todo o estudante, mas na maioria das vezes se torna um sonho distante pelo fato de ter um custo muito elevado, mas nem sempre é preciso ter muito dinheiro para poder realizar o que você sempre sonhou. Os destinos mais em conta  são os países da América do Norte, Oceania, Europa e Africa.

Selecionamos uma lista com 5 países para estudar inglês e aprender com nativos por um custo acessível.

 

Canadá

O primeiro país da lista é conhecido por também ser o país que mais recebem intercambistas brasileiros segundo a revista Exame de 2017. E muito procurado principalmente por ter uma qualidade de vida elevada De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), o país está entre os 10 melhores do mundo em qualidade de vida devido ao grande acesso à saúde e educação pública de qualidade, alta expectativa de vida e baixos níveis de violência e criminalidade.

Além disso, o país tem uma enorme gama de diversidade natural, paisagens maravilhosas como a Niagara Falls  e muitas opções de viagens.

Por ser um país bilíngue, o Canadá é um ótimo destino tanto para quem deseja estudar inglês como para quem quer aprimorar seu francês. Certas regiões, como Quebec, têm  com língua oficial o francês Já para quem quer viver nas regiões que possuem a língua inglesa como oficial, as cidades mais conhecidas são Toronto e Vancouver, e ambas estão entre as melhores do mundo para viver.  

Custo de vida 

Toronto X Vancouver

 

Custo de vida básico, sem luxos                                      

Acomodações: CAD$650 (Aluguel de quarto)                 

Alimentação: CAD$250 (sem muitos jantares fora)        

Transporte: CAD$120 (passe mensal com carteirinha

de estudante)

Telefone + Internet: CAD$50 

Extras: CAD$150

Total: CAD$1.200/mês = R$3.598,80

Estilo de vida mais luxuoso

(+jantares fora, happy hour, etc)

Acomodações: CAD$940 (Homestay)

Alimentação: CAD$450 (jantar fora + festas)

Transporte: CAD$120 (passe mensal)

Telefone + Internet: CAD$50 

Extras: CAD$150

Total: CAD$1.600/mês = R$4.784,40
 

Uma dica para economizar nos passeios no Canadá, principalmente Toronto e Vancouver é apostar nos roteiros naturais. As principais atrações turísticas dessas cidades são os parques naturais, os cenários incríveis, a natureza, as praças, os shoppings, centros comerciais e muitas outras atrações de rua. É possível conhecer os principais pontos turísticos gastando pouco e dependendo pode ser totalmente de graça.

Austrália

Esse país exótico chama a atenção de estudantes que procuram por lugares para aperfeiçoar seu inglês e conhecer uma natureza extremamente diferente e incrível, A média do custo de vida na Austrália fica entre os AU$340 (estilo de vida mais econômico) e AU$490 (estilo de vida mais luxuoso) por semana. 

Média dos principais gastos de um intercambista na Austrália: 

Acomodação: AU$ 150,00

Comida: AU$ 85,00

Transporte: AU$ 25,00

Entretenimento: AU$ 50,00

Extras: AU$ 50,00

Serviços: AU$ 50,00

Total: AU$ 410,00

Algumas das cidades para se visitar na Austrália são:

Sydney: A cidade mais conhecida da Austrália é, certamente, um destino imperdível para quem visita o país. o passeio de balsa pela Baía de Sydney é uma das principais atrações da cidade, o Sydney Aquarium, que é um dos maiores aquários do mundo.. A famosa ponte da cidade, Harbor Bridge.   Outra atração  é a Bondi Beach, uma das praias mais famosas do país e que recebe surfistas do mundo todo.

Melbourne: Localizada em Victoria, Melbourne é a segunda maior cidade da Austrália, É o destino mais procurado para quem busca um estilo de vida mais agitado.

Gold Coast: A cidade de Gold Coast, na costa Leste do país, é conhecida mundialmente como o paraíso dos surfistas,inclusive, a praia mais famosa é a Surfers Paradise.

Parque Nacional Kakadu: O Parque Nacional Kakadu, eleito como Patrimônio da Humanidade pela Unesco, é o passeio ideal para os amantes de história e natureza. O parque tem galerias preservadas de pinturas rupestres feitas a mais de 50 mil anos.

 

Malta

A ilha de malta é um arquipélago  situado na região central do Mediterrâneo, entre a Sicília e a costa do Norte da África, além de ser uma ilha repleta de uma natureza encantadora, para chegar até lá não é necessário visto! 

Transporte: As linhas de ônibus atendem bem todas as cidades e a passagem tem o custo de 1,50 e vale por até duas horas.

Alimentação:  Em média com  50 euros é possivel fazer compras para 1 mês.

Entretenimento: Em Malta uma maneira muito barata para se divertir é frequentar casas de shows e de festas, a entrada é gratuita  ou não passa de um valor de 10 euros.

Moradia: Os preços variam de acordo com a região que você escolhe e o tipo de acomodação. se optar pela residência estudantil, o custo médio será de R $ 2.300 reais Em Casa de Família, o valor para um mês pode variar de R $ 2.200 a R $ 4.500, Se optar por Hostel, o valor pode variar de R $ 50 a R $ 100 a diária.

Serviços: Contas como água e luz, a média mensal é de 100 euros.Algumas opções de acomodação já incluem este valor na mensalidade.

Salário Mínimo: O salário mínimo em Malta é de EUR 747,54 - R$ 3286,80 por mês.


Nova Zelândia

A Nova Zelândia é um país no sudoeste do Oceano Pacífico formado por 2 ilhas principais, sendo as duas com vulcões. O país contém uma gama de riquezas naturais, ideal para quem quer estudar e se aventurar ao mesmo tempo.

Cidades: Algumas das cidades mais baratas, estão na Ilha Norte. Entre elas, a cidade de Rotorua, se destaca pelo custo de vida mais baixo. Outras como: Whangarei, Napier, Tauranga e New Plymouth estão no mesmo nível de custo que Rotorua.

Comparação de custo de vida de duas cidades Neozelandesas:

 Apartamento mobiliado de 85m2  para duas pessoas em área nobre: (ideal para dividir com uma pessoa)

Auckland

Wellington

Aluguel: NZ$ 2.200 

Aluguel: NZ$ 1.600

Aquecimento, gás, luz: NZ$ 180 

Aquecimento, gás, luz: NZ$ 195 

Internet: NZ$ 40

Internet: NZ$ 40

A média nacional de aluguel, excluindo Auckland, fica por volta de NZ$ 395 por semana, ou NZ$ 1,580 por mês.

Pesquisas da Universidade de Otago mostram que a média dos gastos semanais com alimentação de um adulto é de NZ$ 91 a NZ$ 109 (dados de 2014). 

Transporte:

Auckland

Wellington

1 litro de gasolina: NZ$ 2.11

1 litro de gasolina: NZ$ 2.11

Corrida de táxi de 8 km: NZ$ 28

Corrida de táxi de 8 km: NZ$ 33

Passe mensal transp. público: NZ$ 127 

Passe mensal transp. público: NZ$ 121 

Salário Mínimo: a média salarial nacional fica em torno de NZ$ 28.77 por hora, ou NZ$ 1,150.80 por semana de 40 horas, considerando-se setor público e privado.
 

Pontos turísticos que incluem muita natureza são:

The Remarkables: é um complexo de 47 pistas de esqui e snowboard e 3 parques. onde contém uma vista incrível da região.

Parque Kiwi Birdlife: é o principal ponto turístico de Queenstown para quem gosta de observar a vida selvagem.ele conta com mais de 30 espécies animais.

Ilhas Rangitoto: Situadas ao lado da costa da cidade de Auckland, Rangitoto é uma ilha vulcânica com muitas trilhas que levam a vistas panorâmicas de Auckland.

 

África do Sul

 

Com uma cultura mista a África do Sul é uma ótima opção de intercâmbio com uma alta qualidade na educação e um bom custo - benefício. Em média, as cidades da África do Sul apresentam um custo 25% menor do que São Paulo. Além disso, a força do Real perante o moeda local ( Rand ) são ótimos aliados, o que faz com que os preços lá sejam muito semelhantes aos do Brasil, ou na maioria das vezes mais baixos.

Custo de vida em Cape Town

Moradia, serviços e produtos variados

Aluguel mensal: R 9.130

Água, luz, gás central e lixo (a cada 2 meses, valor por pessoa): R 954

Internet: R 686

Passe de transporte mensal: R 264

Refeição em restaurante de nível médio para 2 pessoas: R 291

 

Os pontos turísticos na áfrica do sul são: 

Parque Nacional Kruger: Parque Nacional Kruger é a reserva de todo continente africano que contém o maior número de espécies de mamíferos, incluindo os “cinco grandes”: O leão, o leopardo, o elefante, o rinoceronte e o búfalo. 

Joanesburgo

Em Joanesburgo tem uma rota turística incrível que conta com:

Museu do Apartheid

Museu Lindfield da Casa Vitoriana

Constitution Hill

Museu Nacional de História Militar da África do Sul

Monte Casino Bird Park

Região dos bares e restaurantes de Maboneng Precinct

 

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »