17/08/2019 às 00h09min - Atualizada em 17/08/2019 às 00h09min

No jogo dos desesperados, Vila Nova vence Guarani fora de casa

A equipe colorada respira e abre quatro pontos da zona de rebaixamento, já a equipe bugrina amarga a lanterna

Patrick Wallison - Editado por Paulo Octávio
Wesley Matos decretou a vitória colorada. Foto: Reprodução/ Sportv
A semana conturbada no Vila Nova -- que teve a demissão do diretor de futebol, Sidiclei Menezes, e de mais seis jogadores -- não atrapalhou a equipe colorada no confronto diante o Guarani, na noite desta sexta-feira (17) em Campinas. Com gols de Robinho e Wesley Matos, o time colorado respirou na tabela da Série B. O Bugre teve mais posse de bola durante a partida, mas os campineiros não conseguiram furar o forte bloqueio goiano e finalizaram pouco.

1° TEMPO

O jogo começou com as duas equipes brigando pela bola no meio de campo. Aos 3 minutos o Guarani teve a primeira oportunidade da partida. Após cruzamento de Bady, 
 Michel Douglas cabeceou e a bola saiu rente a trave direita. O time da casa manteve o ritmo, e, aos 12 minutos, Bady chutou de fora da área e obrigou Rafael Santos a fazer uma boa defesa. O time Vilanovense chegou pela primeira vez ao ataque aos 14’, com Robinho. O atacante colorado recebeu na intermediaria, avançou e chutou cruzado para abrir o placar no Brinco de Ouro. Após o gol, o time campineiro só voltou a assustar aos 33’ com cabeceio de Michael Douglas. A partida então ficou parada em vários momentos com as faltas cometidas pelas equipes e terminou com a equipe visitante em vantagem.

2° TEMPO

A segunda etapa começou com o Guarani na busca pelas ações da partida. Aos 5 minutos, Davó driblou dois marcadores dentro da área e chutou para grande defesa de Rafael Santos. Após o susto, a equipe colorada saiu para o jogo e aos 9 minutos Matheus Anderson recebeu passe dentro da grande área e chutou rente a trave. O Vila continuou pressionando e aos 14’ Robinho chutou cruzado e o goleiro Klever defendeu. No rebote, Alan Mineiro finalizou e o goleiro bugrino realizou outra grande defesa. Após pressionar , o Tigre conseguiu seu objetivo no minuto seguinte. Alan Mineiro cobrou escanteio e Wesley Matos subiu no terceiro andar para cabecear e ampliar o placar para o time colorado.

O Guarani sentiu o gol adversário e só conseguiu chegar com perigo aos 26’, com Luiz Gustavo, que cabeceou a bola que passou perto da trave direita. O Vila Nova então começou a cadenciar a partida com passes no meio campo e quando o time de Campinas tinha a posse de bola fazia um paredão vermelho, que dificultava a entrada do time adversário. A última boa chance da partida aconteceu aos 42 minutos. Bruno Souza cobrou escanteio e Michael Douglas resvalou, na sequência, Magno falhou e jogou contra a própria meta. Rafael Santos salvou
no puro reflexo. No rebote, Ferreira cabeceou, e o goleiro colorado defendeu novamente. Aos 50 minutos, o arbitro Vinicius Gomes do Amaral apitou o fim do jogo e decretou o triunfo do Vila Nova por 2 a 0.

PRÓXIMOS CONFRONTOS

Na próxima terça-feira (20), o Guarani vai a Ponta Grossa (PR) enfrentar o Operário no estádio Germano Kruger, as 19h15. No mesmo dia, o Vila Nova recebe o Sport no estádio Olímpico, às 21h30, em Goiânia.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »