04/10/2019 às 15h09min - Atualizada em 04/10/2019 às 15h09min

A Série Napolitana, de Elena Ferrante

Escritora que utiliza um pseudônimo para manter sua identidade em segredo, tornou-se conhecida depois de escrever a tetralogia napolitana. Suas obras inspiraram uma minissérie e ganhou uma versão para os palcos no festival de teatro italiano em São Paulo.

Mariene Ramos - Editado por Leonardo Benedito
pinterest.com

Famosa pelas obras da Série Napolitana, Elena Ferrante é uma escritora italiana que mantém sua identidade em segredo. Não se sabe qual é o verdadeiro nome da escritora. Sempre discreta, concede poucas entrevistas, por escrito, e sempre intermediadas por suas editoras. Nas entrevistas ela revela que optou pelo anonimato para que seus livros não sejam influenciados por uma imagem pública.

A tetralogia é escrita de uma forma que envolve o leitor do início ao fim.  A história se passa em um bairro pobre na cidade de Nápoles, localizada no sul da Itália.

A Série é dividida em quatro volumes e narra a vida das amigas Rafaella Cerullo (Lila) e Elena Greco (Lenu) desde a infância até a velhice.

A amiga Genial

A história se inicia com a ligação do filho de Lila Cerullo para Lenu Greco pedindo ajuda para encontrar sua mãe, que desapareceu sem deixar pistas.

No desenrolar da narrativa, Elena Greco descreve o período da infância até a adolescência das duas em um bairro pobre de Nápoles. Elena é filha de um contínuo e Lila de um sapateiro. As famílias passam por dificuldades, onde os filhos são destinados ao trabalho e não aos estudos. Lila desperta a admiração de Lenu por ser uma garota inteligente e desafiadora.

 

(Imagem reprodução: Amazon)
(Imagem reprodução: Amazon)

História do Novo Sobrenome

Lila e Lenu já estão na juventude e um acontecimento muda a vida das duas amigas. Lila se casa e não continua seus estudos, vive em um casamento conturbado e abusivo. Ela vive uma vida de luxo oferecida pelo marido, mas é uma garota infeliz que tenta esconder essa infelicidade da amiga Lenu.

Lila incentiva Lenu a continuar estudando e até se oferece para comprar os livros da escola e um quarto em seu apartamento para a amiga se dedicar aos estudos.

(Imagem reprodução: Amazon)
(Imagem reprodução: Amazon)

História de Quem Foge e de Quem Fica

Nesse volume Lila e Lenu partem para vida adulta. Lenu foge de Nápoles e avança em sua carreira de escritora, consegue reconhecimento com seu livro, mas não dura muito. Lenu passa por muitas turbulências em sua vida pessoal e a volta de um antigo amor faz ela tomar decisões por impulso.

Lila continua em Nápoles lutando para mostrar seu talento, decide abandonar o casamento prematuro e abusivo. Enxerga em Lenu os sonhos que ela não conseguiu alcançar, mas Lenu a decepciona e a amizade fica abalada.

(Imagem reprodução: Amazon)
(Imagem reprodução: Amazon) 

História da Menina Perdida

Esse é o desfecho da Série Napolitana. Aborda a maturidade e a velhice das amigas. Promete muitas reviravoltas e surpresas. Nesse volume os leitores esperam que o mistério que deu início ao primeiro livro seja resolvido.

(Imagem reprodução: Amazon)
(Imagem reprodução: Amazon)

A tetralogia fez tanto sucesso que a HBO transformou a história na minissérie “A Amiga Genial” baseada nas obras. A minissérie é dividida em oito episódios e foi lançada em 25 de novembro de 2018.

Outra novidade é que a obra ganhou a versão para os palcos, intitulada como “História de uma amizade”, foi exibida em duas partes e com apresentação única no festival de teatro italiano que ocorreu no período de 2 a 6 de outubro de 2019 em São Paulo.

Enquanto a verdadeira identidade de Elena Ferrante não é revelada restam apenas as especulações de quem será essa talentosa escritora.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »