24/06/2020 às 22h04min - Atualizada em 24/06/2020 às 21h53min

CT do Flamengo é aprovado pela Vigilância Sanitária

Já nos CT´s dos outros 11 clubes cariocas foram encontradas irregularidades

Tamyres Vieira - Editado por Paulo Octávio
CT do Clube de Regatas do Flamengo é referência em higienização. Foto:Edilson Silva
Sendo a favor do retorno do Campeonato Carioca 2020, o Flamengo confirmou hoje que está seguindo os protocolos de saúde dentro de suas dependências. Após a prefeitura do Rio de Janeiro, por meio da Vigilância Sanitária, realizar, na manhã desta terça-feira (23), uma visita aos centros de treinamento dos clubes cariocas, foi notificado que o Rubro-negro foi o único a cumprir todos os requisitos no que diz respeito às normas do combate ao COVID-19

O clube carioca investiu em centenas de teste de coronavírus e tem submetido comissão técnica, atletas, funcionário e até familiares a avaliações semanais para a identificação de possíveis infectados. Thiago Maia, volante do Fla, alegou em uma entrevista que se sente mais seguro dentro das dependências do clube do que em sua própria casa.

"A gente está mais seguro no clube que em casa, a gente tem feito testes para Covid duas vezes por semana. Os dois clubes serão testados. A situação não é boa no mundo todo, mas com as condições passadas para a gente, estamos seguros e confiantes. Estamos felizes por estar de volta.  Tenho certeza que o Flamengo está montando uma logística para que ninguém saia infectado.", declarou em entrevista ao Troca de Passes, do SporTV.

 
Além disso, o Centro de Treinamento está equipado com uma máquina, comprada na Europa, que é capaz de detectar se quem entra ou sai tem sintomas do vírus e ainda promove uma desinfecção. Com alto investimento no CT, o rubro-negro conta com uma área total de 5.000m² em dois pavimentos, com acesso independente para jogadores e comissão técnica, e outro para a entrada e saída da imprensa, que é responsável pela cobertura diária das notícias do clube. O espaço ainda conta com um refeitório para 70 pessoas – que se encontra fechado, os atletas estão recebendo kits individuais de comidas –, e cerca de sete campos. De acordo com a entidade, todos os ambientes estão “em conformidade com as regras sanitárias relacionadas à pandemia”.
 
 
Já em outras equipes foram encontradas  infrações como ausência de dispensadores de álcool em gel, sabão líquido em lavatórios, lixeiras inoperantes e até ausência de funcionário de limpeza. A Vigilância Sanitária detectou irregularidades nas dependências de Bangu, Fluminense, Botafogo, Madureira, Portuguesa e Vasco. A entidade afirmou que fará uma segunda vistoria, ainda mais detalhada.

Confira o resumo da Vigilância Sanitária sobre a inspeção realizada:


"Flamengo – Estava em conformidade com as regras.
Botafogo, Vasco, Fluminense e demais clubes - Foram identificadas cabines de higienização, ausências de dispensadores de álcool em gel e sabão líquido em lavatórios, de álcool em gel nas áreas de acesso e circulação, lixeiras inoperantes e falta de lixeiras com tampas acionadas por pedal, ausência de funcionários de limpeza, e ausência de cartazes informativos sobre as Regras de Ouro para a prevenção da Covid-19".

 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »