16/09/2020 às 18h38min - Atualizada em 16/09/2020 às 18h20min

Leandrinho se aposenta e assumirá cargo na comissão técnica em time da NBA

Aos 37 anos, o brasileiro se despede como atleta e aceita convite de Steve Kerr para fazer parte de sua equipe no Golden State Warriors

Natan Alves - labdicasjornalismo.com
Leandrinho dá adeus ao basquete e se tornará membro da comissão técnica do Golden State Warriors. Foto:Reprodução/ Futebol Interior
Em anúncio feito pelas redes sociais, Leandro Barbosa, mais conhecido como Leandrinho, disse que se aposenta do basquete profissional. Com passagens pela seleção e NBA, o brasileiro se despede após 20 anos de competições. Disputou duas temporadas pelo Golden State Warriors, sagrando-se campeão na temporada 2014-2015. Dessa forma, seu comandante na época e ainda titular na função, Steve Kerr, realizou o convite ao ex-jogador para auxiliar na comissão da equipe dos warriors.

O ex ala-armador do Minas, pegou alguns de surpresa, pois, havia renovado seu contrato por mais uma temporada com a equipe no mês passado. Contudo, Leandrinho anunciou seu desligamento do basquete como atleta com um texto em sua rede social. Todavia, o brasileiro iniciou sua carreira profissional pela equipe do Palmeiras; passou por seis clubes nacionais e mais cinco na NBA. Já pela seleção brasileira de basquete, Leandrinho estreou em 2002, disputando duas copa do mundo e duas olimpíadas.

Leandrinho início de carreira em solo brasileiro

Em 1999, Leandrinho começava a trilhar seu caminho no basquetebol. Começando na equipe do Palmeiras, jogou até 2001, ano em que se transferiu para a equipe de Bauru. Foi nesse clube que o atleta começou a atrair os holofotes da mídia. Pelo Bauru, ele foi escolhido jogador revelação do campeonato paulista; venceu o campeonato brasileiro de basquete em 2002 e foi convocado pela primeira vez pela seleção do país, disputando assim o campeonato mundial da FIBA. Dessa forma, em 2003, Leandrinho foi a 28° escolha do draft da NBA, selecionado pela franquia do Phoenix Suns.

Ida do brasileiro a NBA



Leandrinho conta história curiosa de seu início na NBA. Reprodução/ Youtube Leriado
 
Leandrinho começa atuando pelo Phoenix Suns, e lá se torna o único brasileiro a ganhar um prêmio individual na NBA. Na temporada 2006-2007, conquistou o pr
êmio de melhor reserva (melhor sexto homem), com médias de 18 pontos, dois rebotes e quatro assistências por jogo. Após este triunfo, o brasileiro foi transferido à equipe do Toronto Raptors (2010), depois para o Indiana Pacers (2011), e retornou aos Raptors em 2012. Leandrinho voltaria ainda a equipe de Phoenix na temporada 2013-2014, antes que o segundo ápice de sua carreira na NBA surgisse. Assim, em sua temporada de estreia pelo Golden State Warriors, o atleta foi campeão do campeonato; sendo o segundo brasileiro a atingir tal feito até então.


Leandrinho dizendo em entrevista, no início da temporada 2013-2014 que os Warriors seriam campeões aquele ano. Reprodução/ YouTube Wendel Phelipe

Volta ao Brasil

Após sua terceira passagem pelos suns, em 2016-2017, Leandrinho, retorna ao Brasil defendendo o time de Franca. Após um ano na equipe, se transferiu para o Minas, onde jogou por mais duas temporadas até a parada devido a pandemia. Assim, segundo o site da Liga Nacional de Basquete, Leandrinho teve médias de 18 pontos, três rebotes e quatro assistências por jogo, no novo formato de campeonato da NBB.
Deste modo, a sua despedida das quadras foi um reinicio para outra função no mundo do basquete. Portanto, Leandrinho auxiliará Steve Kerr a partir da próxima temporada como mentor dos jogadores da equipe dos Warriors.

Por fim, veja a carta de despedida e pronunciamento sobre a nova atividade que desempenhará ao lado de Kerr.   

 
"Não sei dizer o momento exato que o basquete entrou na minha trajetória, mas há mais de 20 anos minha vida gira em torno da bola laranja. Qualquer atleta de alto rendimento sabe do que estou falando, mas para a grande maioria das pessoas é importante explicar que isso significa abrir mão de muita coisa por muito tempo, escolhas difíceis, sacrifícios... um preço salgado que é pago pelo gosto doce da vitória. Me considero um vencedor. Saí da periferia para fazer 850 jogos na maior liga de basquete do planeta e mais de 100 jogos* defendendo o meu país. Quatro Copas do Mundo, dois Jogos Olímpicos, tenho um anel de Campeão da NBA, fui o primeiro brasileiro a receber um prêmio individual na NBA, fui Campeão Brasileiro... Caramba! Não tem como não me orgulhar. Acredito que consegui jogar em alto nível durante todos esses anos, tanto que me despeço como maior pontuador do último NBB.

Estou pronto para um novo começo, uma nova caminhada, de novo com a bola laranja nas mãos. A transição será rápida, como sempre foi. É uma enorme alegria anunciar meu retorno ao Golden State Warriors, como Player Mentor Coach.Tenho certeza que me sentirei em casa, afinal, foi assim como jogador e tem sido assim desde então. Não poderia estar mais motivado, sei que estarei rodeado de profissionais brilhantes e farei tudo que estiver ao meu alcance para colaborar com o desenvolvimento de jogadores e toda a organização. Agradeço pelo convite e pela confiança no trabalho que posso desempenhar". Carta retira do Instagram pessoal do atleta.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »