07/12/2020 às 19h25min - Atualizada em 07/12/2020 às 18h08min

Corinthians bate o Avaí/Kindermann e conquista seu bicampeonato do Brasileiro Feminino

Com show de Gabi Zanotti, Timão vence, repete o feito de 2018 e conquista o título brasileiro

Carolina Lipares - editado por Thamyres Pontes
Corinthians Bicampeão Brasileiro Feminino. (Foto:Rodrigo Coca/Agência Corinthians)
No último domingo (6), Corinthians Avaí/Kindermann se enfrentaram na Neo Química Arena, pelo jogo de volta da final do Campeonato Brasileiro feminino. Com a vitória por 4 a 2, o Timão se consagrou campeão. Gabi NunesGabi Zanotti e Vic Albuquerque, anotaram os gols Alvinegros.
 
Primeiro Tempo

 
No começo da primeira etapa, as Leoas avançaram no campo de ataque do Corinthians e tiveram sua primeira chance logo aos seis minutos, com Duda batendo de canhota, porém Lelê salvou o Timão. O Corinthians ainda tentou reagir, mas a marcação do Avaí estava difícil de furar. O time paulista conseguiu sua primeira chance aos 27 minutos, com Gabi Nunes, que invadiu a área, chutou firme e Barbara fez a defesa.

Com uma jogada de escanteio batida por Diany, a bola foi desviada na área e caiu nos pés de Gabi Nunes, que não desperdiçou e mandou no canto esquerdo do gol de Barbara, abrindo o placar para o Corinthians. Após o gol, a goleira Barbara conseguiu evitar duas defesas de Crivelari e Adriana na pequena área. Porém, na jogada seguinte, após mais um escanteio de Diany, Barbara saiu mal no gol e Zanotti cabeceou ampliando o placar para o Timão.

Segundo Tempo


A segunda etapa começou semelhante a primeira, o Avaí pressionava e subia na marcação. Logo aos seis minutos, Zoio subiu mais do que Poliana e diminuiu o placar. A pressão não durou muito tempo, cinco minutos depois, Tamires mandou a bola na trave, Crivelari tentou, mas Barbara deu o rebote e Zanotti, livre, acabou fazendo o terceiro do Corinthians.

O Avaí tentava furar a defesa do Corinthians.Duda finalizou mas a goleira alvinegra estava esperta e agarrou a bola. No lance seguinte, Lelê recebeu um lançamento de Bruna, que começou no campo de defesa, invadiu a área e finalizou com precisão no canto direito da goleira do Timão, que tentou fazer a defesa, mas não conseguiu. O árbitro de vídeo entrou em ação e analisou o lance, mas confirmou o gol.

Timão conseguiu uma resposta rápida aos 36 minutos, com Diany, que deu uma assistência por cima da zaga para Vic Albuquerque, que se adiantou nas costas da defesa e finalizou, marcando o quarto gol do Corinthians. Na comemoração, Vic tirou sua camisa e acabou ganhando cartão amarelo.


Vic Albuquerque comemorando seu gol (Foto:Rodrigo Coca/Agência Corinthians)

Vic Albuquerque comemorando seu gol (Foto:Rodrigo Coca/Agência Corinthians)


Nos minutos finais, o rendimento do Avaí caiu e o Corinthians trabalhou a bola até o apito final. Com o trabalho consolidado desde 2016, Corinthians conquistou seu primeiro Campeonato Brasileiro Feminino em 2018 e agora repetiu o feito em 2020. Gabi Nunes, após o fim do jogo, chorou ao relembrar as dificuldades que enfrentou na temporada."Eu vim de um momento de lesão em três anos consecutivos, tive momentos em que pensei em desistir, porque é difícil. Mas, graças a Deus, estou curada, consegui marcar gol na final, e agora é comemorar", disse a jogadora.
 

Próximos Confrontos

Corinthians entrará em campo contra o rival Palmeiras na próximo quinta-feira (10), às 16h (horário de Brasília), pelo Campeonato Paulista Feminino. Já o Avaí volta atuar apenas na temporada de 2021.


 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »