09/12/2020 às 02h04min - Atualizada em 09/12/2020 às 00h36min

Juventus vence o Barcelona e assume a liderança do grupo G na Champions

No duelo contra Messi, craque português leva a melhor e marca duas vezes de pênalti, enquanto o argentino para em Buffon

Vinícius Garone - editado por Stefany Cardoso
Comemoração da equipe italiana (Foto:Twitter Juventus FC)
A Juventus de Cristiano Ronaldo venceu de forma tranquila o adversário por 3 a 0 no Camp Nou nesta terça-feira (08), pela 6ª rodada do grupo G da UEFA Champions League. Os gols da partida foram anotados por Cristiano Ronaldo duas vezes e McKennie. Com o resultado a equipe de Turim assumiu a liderança, já o time catalão avançou na segunda colocação.

PRIMEIRO TEMPO
Em campo, a Juve começou pressionando com Danilo, o lateral bateu firme da entrada da área, mas a bola foi para fora. Na jogada seguinte, aos 11 minutos Cristiano Ronaldo entrou na área e caiu após contato de Ronald Araújo, o árbitro Tobras Stieler marcou o pênalti. Cristiano foi para cobrança e bateu no meio do gol para abrir o placar.


Cristiano Ronaldo comemorando seu primeiro gol da partida (Foto: Divulgação/Twitter Juventus FC)

La Vecchia Signora continuou dominando, e aos 21 minutos ampliou com um golaço. Depois de trocas de passes, Cuadrado recebeu na direita, cruzou perfeitamente para McKennie, que acertou um voleio para deixar o jogo 2 a 0.

O time catalão que seguia apagado, conseguiu a primeira resposta com Messi. O argentino chutou forte rasteiro no campo e Buffon na ponta dos dedos espalmou. Minutos depois na jogada ensaiada de Alba com Messi, o atacante finalizou mas a bola foi no meio do gol.

No último lance, Messi chutou rasteiro e novamente o goleiro italiano defendeu. Os jogadores do Barça reclamaram muito de um pênalti em McKennie na jogada, mas o árbitro nada marcou.

SEGUNDO TEMPO
Igual na primeira etapa, a equipe italiana voltou com tudo, aos três minutos, McKennie tocou dentro da área para Ramsey, o meia bateu no canto, o goleiro alemão com uma excepcional defesa salvou. Porém, na origem da jogada a arbitragem de vídeo viu toque de mão de Lenglet. O árbrito foi a cabine do VAR e decidiu marcar o pênalti. Cristiano Ronaldo foi novamente para a cobrança e guardou seu segundo gol, desta vez no canto direito de Ter Stegen.

O Barcelona tentou reagir, Messi cobrou falta na área e Griezmann cabeceou a bola no travessão. Logo depois, o argentino recebeu a bola de Jong e chutou rasteiro para mais uma defesa de Buffon.

No fim do jogo, Messi chutou e no duelo da noite contra Buffon, o goleiro novamente levou a melhor com uma excelente defesa. O placar final permaneceu assim, Barcelona 0 x 3 Juventus.

Com a derrota, o Barcelona perdeu a invencibilidade onde não perdia em casa pela Champions League desde maio de 2013, numa semifinal contra o Bayern. Desde lá foram 38 jogos (34 vitórias e quatro empates) até a derrota incontestável desta terça-feira. O time catalão também não avançava em segundo colocado desde a temporada 2006
/07, na ocasião viu o Chelsea classificar na frente.

Cristiano Ronaldo com os dois gols anotados, agora tem 134 gols em 174 jogos pela Champions League.

PRÓXIMOS CONFRONTOS
As duas equipes voltam a campo neste domingo (13) por suas respectivas ligas nacionais. A Juventus visita o Genoa às 14h (horário de Brasília), no estádio Luigi Ferraris. Enquanto o Barcelona recebe o Levante, às 17h (horário de Brasília), no Camp Nou.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »