13/02/2021 às 18h38min - Atualizada em 13/02/2021 às 18h13min

Liverpool sofre virada ‘relâmpago’ do Leicester, que assume a vice-liderança na Premier League

Time de Jürgen Klopp leva três gols em sete minutos, com erro crucial de Alisson

Vinícius Garone - Editado por Juan Camilo
Vardy autor do segundo gol, segurando a bandeira (Foto: Divulgação/Twitter Jamie Vardy)
A má fase do Liverpool no Campeonato inglês parece não ir embora. Neste sábado (13), o atual campeão sofreu o terceiro revés seguido, desta vez viu o Leicester conseguir uma virada instantânea e saiu derrotado por 3 a 1, no King Power Stadium. Com o resultado os Foxes chegam a 46 pontos, e se tornam vice-líder da Premier League de maneira momentânea, já que o Manchester United ainda entra em campo na rodada. Por outro lado, os Reds ficam na 4ª posição com os mesmos 40 pontos.
 
PRIMEIRO TEMPO

Os donos da casa tentaram surpreender logo de cara, com Maddison. O camisa 10 percebeu que Alisson estava adiantado e tentou o chute do meio de campo. Porém, o goleiro conseguiu voltar e fez a defesa. Após o susto, a equipe do Liverpool começou a ter mais posse de bola, mas encontrou dificuldades no último terço.
 
A primeira chance dos Reds saiu de um contra-ataque puxado por Alexander-Arnold. O lateral saiu em velocidade e tocou para Salah, que invadiu a área e chutou, Schmeichel bem posicionado fez a defesa. A bola ainda sobrou para Mané, mas Evans tirou na hora certa. Aproveitando o bom momento, os visitantes seguiram em cima. Robertson lançou para Mané que desviou, a bola sobrou para Firmino, o brasileiro bateu de primeira, porém viu Schmeichel evitar o gol com uma bela defesa.
 
Já nos minutos finais, os Foxes chegaram duas vezes com perigo e por pouco não abriram o placar. Na primeira delas, Maddison desviou o lançamento e a bola sobrou para Vardy, que saiu cara a cara com Alisson e bateu firme carimbando o travessão. Na segunda, o centroavante saiu novamente de frente com o goleiro e tentou o drible. Contudo, o brasileiro fechou bem e deixou tudo igual na primeira etapa.
 
SEGUNDO TEMPO
 
As equipes voltaram do intervalo com tudo, deixando o jogo ainda mais movimentado. No entanto, seguiam pecando nas finalizações. Com a partida bem equilibrada, a bola parada passou virar uma boa alternativa. Os Reds em cobrança de falta assustaram. Alexander-Arnold chutou com força, a bola desviou na barreira e explodiu no travessão.
 
O Liverpool adiantou suas linhas, e na pressão na saída de bola, conseguiu seu gol. Após recuperação de Salah, Firmino mesmo cercado por três defensores, conseguiu dar um lindo passe de costas para o egípcio, que chutou colocado de primeira, abrindo o placar para os Reds aos 21 minutos.
 
O Leicester além de não sentir o golpe, reagiu de forma espetacular no duelo. Com 32 minutos, Maddison cobrou falta rasteira em direção ao gol. A bola não desviou em ninguém e foi direto para o fundo do gol. O assistente assinalou impedimento de Amartey, entretanto, o VAR confirmou o gol. E após dois minutos a virada aconteceu. Tielemans fez um lançamento para Barnes, Alisson saiu mal da área para afastar e trombou Kobak – companheiro de equipe. Os dois se atrapalharam sozinho e a redonda sobrou para Vardy, livre. O atacante apenas chutou com o gol aberto para virar o jogo no King Power Stadium.
 
A pressão dos Foxes seguiu. Depois boa jogada pela esquerda, Barnes invadiu a área e bateu no cantinho e Alisson defendeu bem para o lado. Vardy pegou o rebote e chutou firme, ainda assim o goleiro brasileiro levantou e fez uma defesa impressionante. Já aos 39 minutos, Barnes não desperdiçou. O meia saiu livre nas costas da zaga, e diante de Alisson bateu com categoria, para o fundo das redes.
 
Jurgen Klopp demonstrou muita irritação com a virada, e mexeu no time. Porém, os jogadores não conseguiram produzir mais nada. Enquanto o Leicester apenas administrou a vantagem de 3 a 1 nos minutos finais.
 
PRÓXIMOS CONFRONTOS

Ambos os times voltam a campo na próxima semana. O Leicester enfrenta o Slavia Praha, no Eden Arena, pela Uefa Europa League, quinta-feira (18), às 14h55 (horário de Brasília). Enquanto o Liverpool visita o RB Leipzig, no Puskás Arena, pela Uefa Champions League, terça-feira (16), às 17h (horário de Brasília).

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »