20/02/2021 às 15h24min - Atualizada em 20/02/2021 às 15h22min

Corinthians recebe o Vasco de olho na classificação para a Libertadores

Além de buscar o G8, o alvinegro entra em campo com possibilidade de vingar rebaixamento de 2007

Paula Sant Ana - editado por Stefany Cardoso
Duelo entre Corinthians e Vasco, no Campeonato Brasileiro de 2007 (Foto: divulgação)

Já na reta final, o Brasileirão ainda promete fortes emoções para muitos torcedores. Enquanto o Corinthians visa as possibilidades para disputar a Conmebol Libertadores em 2021, o Vasco da Gama luta para não cair para a segundona pela quarta vez. Com esses detalhes a serem definidos, as equipes se enfrentam pela 37ª rodada da série A do Campeonato Brasileiro, a penúltima da temporada. O duelo está marcado para este domingo (21), às 16h, na Neo Química Arena, em São Paulo. A transmissão é por conta da Rede Globo, a partir das 15h50. 

 

CORINTHIANS 

Depois do vice-campeonato para o Palmeiras no Paulistão, ainda em agosto de 2020, o alvinegro não conseguiu embalar no decorrer do campeonato. Problemas políticos e financeiros fizeram da temporada um ciclo difícil para os corintianos. Assim, como o rival alviverde sagrou-se campeão da América e ainda disputa a Copa do Brasil contra o Grêmio, a tabela possibilita um G8, se o tricolor gaúcho e Palmeiras estiverem no G6 quando acabar a competição.

 

Além de todo este cenário, um tipo de "vingança" pode ocorrer na Arena do Corinthians neste domingo. Em 2007, sob o comando de Nelsinho Baptista, também na 37ª rodada, o Cruz-Maltino venceu pelo placar de 1 a 0, com gol de Alan Kardec. Este resultado foi crucial para a queda dos paulistas, na rodada seguinte. Por isso, milhões de brasileiros vão acompanhar o desfecho.

 

Provável escalação: Cássio; Fagner, Jemerson, Gil e Fábio Santos; Xavier e Cantillo; Gustavo Mosquito, Cazares e Mateus Vital; Léo Natel. Técnico: Vagner Mancini.

 

VASCO

Comandado pelo experiente Vanderlei Luxemburgo, os cariocas estão na corda bamba. Em 17° lugar e um ponto atrás do Bahia, vencer é primordial para não cair novamente. Já matematicamente sem chance de permanência na série A, Botafogo e Coritiba possuem 24 e 31 pontos respectivamente. O Goiás, 16° colocado, também sonha, já que está apenas um ponto atrás do Vasco (que tem 27), podendo chegar a 42 se vencer as duas últimas rodadas. 

 

Esperança de gols, Germán Cano passa por fase de jejum. O artilheiro argentino está há cinco partidas sem marcar. Atualmente com 13 gols no Brasileirão, a última aparição foi contra o Internacional, domingo (14), em que ele desperdiçou um pênalti, quando o placar estava 1 a 0 para os colorados. Apesar da má fase, Luxemburgo defendeu o atacante na coletiva pós-jogo: "Falei para o Cano que ele vai fazer ou vai perder. Não é a primeira vez que um jogador artilheiro perdeu um pênalti. A culpa da nossa posição agora não é responsabilidade dele. Errar faz parte do jogo. Outros grandes artilheiros perderam pênalti em jogos importantes. Não vou crucificar nem transferir para ele o peso do resultado de hoje", comentou o treinador.
 

Provável escalação: Fernando Miguel; Léo Matos, Leandro Castan, Marcelo Alves (Ricardo Graça) e Henrique; Bruno Gomes, Leo Gil (Andrey) e Benítez (Carlinhos); Yago Pikachu (Ygor Catatau), Cano e Talles (Juninho). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

 

HISTÓRICO DE CONFRONTOS

O Cruz-Maltino é considerado um freguês do Corinthians. No retrospecto geral entre as duas equipes, são 52 vitórias corintianas, 35 empates e 35 triunfos vascaínos.

 

Diversas decisões já foram protagonizadas ao longo da história. Dentre elas: semis da Copa do Brasil de 95 e 2009; título do Mundial de 2000; o Brasileirão de 2011 em que houve disputa equilibrada até a reta final; a semifinal da Libertadores em 2012 e o último, em 2015, o título Brasileiro que o Corinthians venceu em São Januário.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »