03/06/2019 às 16h01min - Atualizada em 03/06/2019 às 16h01min

A Europa é Vermelha! Liverpool vence Tottenham e é campeão da Liga dos Campeões

Com a conquista da temporada 2018-2019 o time inglês faturou sua sexta taça da competição

Izabela Avelar - Editado por Amanda Cruz
Liverpool campeão da UCL 2019. Foto: Divulgação
“You will never walk alone”. Embalado pelo canto de seus torcedores o Liverpool venceu o Tottenham pelo placar de 2 x 0 na final inédita da Liga dos Campeões 2018-2019, neste sábado (1), às 16h (horário de Brasília). No Estádio Wanda Metropolitano em Madri, conquistou seu sexto título da competição, 14 anos após conquistar a Europa pela última vez. Este foi o primeiro título do técnico Jürgen Klopp desde que assumiu o comando dos Reds, em 2015.
Após 10 anos a finalíssima da Champions League foi disputada novamente por times ingleses. Com o resultado, a Inglaterra se tornou o segundo país mais vencedor do torneio (13 no total), ficando atrás apenas da Espanha que possui 18 títulos. O atual campeão Liverpool venceu seis vezes, o Manchester United três, Nottinghan Forest duas e Chelsea e Aston Villa levaram a orelhuda apenas uma vez.
 

1° TEMPO

A partida iniciou movimentada e logo no primeiro lance o árbitro Damir Skomina marcou pênalti para o Reds. Com 24 segundos de jogo, Mané tentou cruzamento curto, a bola resvalou no braço de Sissoko dentro da área: pênalti. O egípcio Mohamed Salah converteu a cobrança e abriu 1 x 0 no placar.

Após o gol, a equipe do Tottenham teve que correr atrás do prejuízo, com mais posse de bola o Spurs tentou pressionar o adversário com volume de jogo, mas a marcação intensa do time de Klopp anulou as invertidas. A equipe vermelha por sua vez ainda levou mais perigo ao gol defendido por Lloris em mais três oportunidades, mas o goleiro segurou o resultado. Fim da 1ª etapa disputada com a vantagem para o Liverpool em 1 x 0.

2° TEMPO

Em desvantagem, o técnico Maurício Pochettino voltou do intervalo com sua equipe mais incisiva e colocou Lucas Moura na vaga do volante Skins. Porém, o goleiro Alisson estava inspirado e foi decisivo na partida. O goleiro brasileiro fez ao menos 5 defesas difíceis e impediu o empate.

Aos 42’, depois de um escanteio cobrado por Milner, a bola foi rebatida na área e sobrou para Divock Origi, que dominou e chutou cruzado de canhota para o fundo das redes, 2 x 0. O belga fechou a contagem e mais uma vez foi destaque. O centroavante já havia sido herói na classificação do Liverpool na semifinal contra o Barcelona, onde marcou dois gols. Placar selado em 2 x 0 e mais um importante título mundial para o Reds.

MELHORES MOMENTOS

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »