04/06/2021 às 08h55min - Atualizada em 04/06/2021 às 08h41min

Prefeitura de Ipatinga cria projeto de Lei para implementação da Guarda Municipal

A cidade ipatinguense se juntaria ao município vizinho, Coronel Fabriciano, e ao município de Pingo D’água, como os únicos a terem uma Guarda na Macrorregião do Vale do Aço

Matheus Victor - Editor: Ronerson Pinheiro
Foto: Guardas municipais farão o patrulhamento na região. Reprodução: Isabela Carrari

 
O executivo de Ipatinga, no Vale do Aço mineiro, apresentou o Projeto de Lei (PL) 93/2021, que visa implementar a Guarda Municipal no município. A corporação terá como funções, como praticar um policiamento ostensivo e preventivo, a fim de prevenir violações ao patrimônio municipal e a população ipatinguense.
 
Estavam presentes na assinatura da proposta o prefeito da cidade Gustavo Nunes (PSL), além de integrantes da equipe, representantes do Legislativo, das Forças de Segurança e do Conselho de Segurança Pública (Consep).
 
O Projeto vem para tentar melhorar a segurança pública da cidade, um problema que é estrutural em todo território brasileiro. Segundo dados do jornal regional Diário do Aço, Ipatinga foi a cidade da região que mais teve mortes oriundas de crimes violentos. Em 2019, foram um total de 27, apresentando decréscimo de 12,6% comparado à 2018, onde ocorreram 31 óbitos.
 
O texto segue para a Câmara dos Vereadores e caso aprovado, a prefeitura de Ipatinga estima que no 1º trimestre de 2022, o edital para o processo seletivo já esteja pronto. Inicialmente serão abertas 50 vagas para o cargo, todos os brasileiros natos ou naturalizados poderão se inscrever para o processo seletivo. Neste caso, a cidade ipatinguense se juntaria ao município vizinho, Coronel Fabriciano, e ao município de Pingo D’água, como os únicos a terem uma Guarda na Macrorregião do Vale do Aço.
 
A GM de Ipatinga fará parte da Secretaria de Segurança Pública e Convivência Cidadã. “Instituir a Guarda Municipal em Ipatinga, contribui significativamente para a contenção e diminuição dos índices de criminalidade de um modo geral. Todos os guardas municipais serão previamente capacitados, submetendo-se a preparação e avaliação em curso próprio.”, disse o secretário da pasta, Décio Camargos.



Editora-chefe: Lavínia Carvalho. 

 
 
 
 

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »