19/06/2019 às 12h24min - Atualizada em 19/06/2019 às 12h24min

Brasil e Venezuela empatam e adiam classificação para a próxima fase

Em Salvador, equipes empataram sem gol e perderam a oportunidade da classificação antecipada às quartas de final da Copa América

Izabela Avelar - Editado por Paulo Octávio
Foto: Divulgação/CBF

A definição do Grupo A da Copa América 2019 ficou para a última rodada. Em um jogo abaixo da média e com dois gols brasileiros anulados pelo árbitro de vídeo, Brasil e Venezuela não saíram do 0 x 0 na noite desta terça-feira (18). A seleção canarinho tinha a possibilidade de se classificar antecipadamente caso saísse vitoriosa, mas faturou, junto com os venezuelanos, um ponto apenas. Sendo assim, o Brasil continua em primeiro lugar, com quatro pontos e três gols, seguido do Peru. Ambas seleções -- que se enfrentam na última rodada -- estão empatados em número de pontos, mas peruanos tem saldo inferior. A Lavinotinto é a terceira colocada com dois pontos, e a Bolívia, lanterna, ainda não pontuou no torneio.

1° TEMPO

Como esperado, o Brasil tomou a iniciativa de propor o jogo, mas esbarrou na marcação forte da Venezuela, que fechou os espaços no meio-campo. A opção foi atacar pelos lados, recorrendo a Neres na esquerda e Richarlyson, pela direita. Com mais posse de bola, a seleção brasileira conseguiu as melhores oportunidades da primeira etapa, entretanto não foi efetiva e parou no goleiro Fariñez. Além de não contarem com a sorte. Aos 37’, Firmino recebeu cruzamento na área de Daniel Alves, dominou, girou e chutou para o gol, porém o árbitro Julio Bascuñan apitou falta do atacante brasileiro, e anulou o que seria o primeiro tento da partida. Lavinotinto não assustou o gol defendido por Alisson. Sendo assim, o confronto foi para o intervalo com os times empatados em 0 x 0.

2° TEMPO

Na etapa final faltou criatividade. Com os venezuelanos recuados em seu campo de defesa, os brasileiros aproveitaram para finalizar mais, porém sem capricho nos chutes. Destaque para Osório e Villanueva, que fizeram grande partida na zaga vermelha e azul e bloquearam as investidas do rival. No complemento o VAR entrou em ação em dois momentos importantes, o primeiro aos 15’. Após boa jogada de Gabriel Jesus pela esquerda, Firmino pegou o rebote em posição irregular e a bola sobrou para Jesus marcar. Jogo ficou paralisado para revisão que confirmou o impedimento. Novamente aos 41’ mais uma anulação. Everton Cebolinha conseguiu cruzamento para o área pela esquerda, e Coutinho mandou para o fundo das redes. No monitor o juiz observou que a bola resvalou em Firmino, que não poderia participar da jogada por estar impedido, e não apontou a mão para o meio de campo validando o tento. Fim de jogo em Salvador como o placar de 0 x 0.

 


(Gabriel Jesus lamenta anulação do gol. Foto/ Reprodução: CBF)

PRÓXIMOS CONFRONTOS

Ambos os duelos para decidir quem prossegue para as quartas de final do campeonato serão no próximo sábado (22), às 16h (horário de Brasília). O Brasil enfrenta o Peru, na Arena Corinthians; enquanto Bolívia e Venezuela medem forças no Mineirão.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »