28/06/2019 às 11h07min - Atualizada em 28/06/2019 às 11h07min

Os escritores Zack Magiezi e Edgard Abbehusen falam sobre a literatura na internet durante o encontro na Flica

A escritora homenageada foi a mineira de 71 anos Conceição Evaristo

Ana Clara Pamponet - Editado por Socorro Moura
Ana Clara Pamponet
No sábado dia 13 de outubro, os escritores se encontraram na Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica) para falar sobre “Os filtros que usamos na literatura do nosso tempo”, o bate-papo foi mediado pela jornalista Jéssica Smetak. A sétima mesa levou o público jovem ao claustro do Convento do Carmo, onde deixou o público emocionado e bastante entretido com os assuntos abordados.

Assim, para Zack: “Eu acho que escrever é sempre um hábito de solidão e, nesse momento, não existe o leitor ainda. Eu sou meu primeiro leitor e hoje eu escrevo umas quatro horas por dia. Não acredito muito numa inspiração, eu acho que é trabalho", disse. Já Edgard levou mais a fundo e nos trouxe para os acontecimentos atuai:  “Salve Mestre Moa do Katendê, esse grande símbolo de resistência, que infelizmente foi vítima dessa onda de violência que toma conta do país", comentou emocionado. Zack não ficou calado quando o assunto foi a política do país: “É surreal o que está acontecendo no Brasil. Eu me surpreendi de ver tanto ódio que estava escondido”, falou.

E quanto ao assunto amor, tema que interessa a grande parte das pessoas que permeia o conteúdo produzido pelos dois autores, Zack Magiezi revelou que sua vida amorosa é desastrosa, o que acaba influenciando na produção dos textos: "A gente também escuta muitas histórias e, a partir do momento que você escuta alto, você vive aquilo de certa forma", confidenciou. Edgard é grato por ser conhecido pela internet, mas deixa um recado “Eu consegui lançar meu livro graças ao meu trabalho na internet. Mas você não pode ficar escravo das redes sociais”, afirmou.

A Flica tem patrocínio máster do BNDES e Governo do Estado, apoio da Prefeitura Municipal de Cachoeira e Caixa e realização Cali, Icontent, Ministério da Cultura e Governo Federal.

Por: Ana Clara Pamponet
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »