22/01/2021 às 16h10min - Atualizada em 22/01/2021 às 12h16min

As mudanças realizadas no Arsenal

Clube londrino faz um trabalho diferente na atual temporada

Caio Henrique Panini de Oliveira - editado por Thamyres Pontes
Jogadores comemorando um dos gols em cima do Newcastle. (foto: Twitter Oficial do Arsenal)
Nas últimas semanas o Arsenal vem realizando mudanças nos planejamentos futuros da equipe. A princípio, o time londrino está utilizando e subindo mais garotos da base, e também vendendo alguns medalhões que não eram utilizados pelo técnico Artéta. Com outros comandantes, o elenco era recheado de nomes experientes que mais atrapalhavam do que ajudavam. Porém, com a mudança da comissão técnica, o elenco está ficando mais jovem e com poucos jogadores veteranos,  mas que podem acrescentar algo. 

JOGADORES EXPERIENTES VENDIDOS

O mês de janeiro está sendo muito movimentado para os Gunners, afinal, a diretoria junto com a comissão técnica desempenha um papel diferente. Primeiramente, jogadores com idade avançada já foram vendidos ou emprestados para diferentes times. Peças consideradas titulares viraram reservas com o comandante espanhol. Antes de qualquer coisa, o Arsenal estava disposto a resolver a situação com Özil. O meio-campista alemão não entra em campo desde março de 2020. Naquela ocasião, o atleta atuou por 89 minutos diante do West Ham, jogo válido pela 29ª rodada da Premier League 19/20.

O contrato do jogador iria até junho de 2021, portanto, o clube de Londres queria resolver e possivelmente rescindir o contrato com o alemão. Afinal, Mesut possuía o salário mais alto do elenco, chegando a 350 mil libras (cerca de R$ 2,5 milhões) por semana.  Logo depois, foi anunciado a rescisão do vínculo e a ida do jogador para o Fenerbahçe, da Turquia. O atleta, que possui descendência turca, está muito feliz com o novo clube que irá defender e o 
Gunners conseguiram encurtar a folha salarial. 



Kolasinac é mais um que mudou de casa. O lateral esquerdo de 27 anos foi emprestado ao Schalke 04, da Alemanha. Aliás, o bósnio já havia atuado pelo time alemão. O defensor chegou à terra da rainha em 2017, e tinha como objetivo substituir Nacho Monreal, que tinha se transferido para a Real Sociedad. Contudo, o atleta não rendeu o esperado, e ficou alguns jogos na reserva. Chegou a atuar como zagueiro, mas também não brilhou. Foram 113 jogos, cinco gols e 15 assistências. Então, em dezembro de 2020, foi anunciado o retorno ao Schalke 04, que assinou um empréstimo até junho de 2022. Primeiramente, o jogador terá como objetivo ajudar a equipe que está na zona de rebaixamento da Bundesliga (Die Knappen é o último colocado da tabela).



O último experiente que não está mais no elenco é Sokratis. O zagueiro grego foi mais um que perdeu espaço com o técnico. Foram apenas dois jogos na atual temporada, um deles pelo Arsenal sub-23Paspatathopoulos chegou à Londres no ano de 2018. O defensor teve uma ótima passagem pelo Borussia Dortmund, da Alemanha. Pelo clube alemão, o grego atuou por cinco anos. Era sem dúvidas um dos melhores defensores do Campeonato Alemão

Chegou com grandes expectativas ao Arsenal, mas, o atleta teve constantes falhas que deixaram a torcida e diretoria decepcionadas. Conforme foi chegando mais zagueiros como: David Luiz, Gabriel do Santos, a volta de Chambers, Pablo Marí e também Holding, isso fez com que o camisa cinco não fosse relacionado para os confrontos. Por fim, em janeiro de 2021, o clube londrino anunciou a rescisão do contrato do zagueiro de 32 anos. Segundo alguns tablóides britânicos e gregos, o possível destino do defensor é o Olympiacos, da Grécia.  Pelo Arsenal, Sokratis atuou em 69 jogos, balançou as redes em seis oportunidades e deu duas assistências.



A BASE CADA VEZ MAIS SE DESTACANDO
 
Na temporada 20/21, Artéta está utilizando mais jogadores da base. Atualmente, cinco nomes estão ganhando espaço, que são: Bukayo Saka, Héctor Bellerín, Eddie Nketiah, Maitland-Niles, Joe Willock, Reiss Nelson e Emile Rowe. O meio-esquerda, Bukayo está ganhando bastante destaque, além disso, o garoto foi responsável por deixar nomes como Gabriel Martinelli e Pépé na reserva. O lateral Héctor é bem conhecido pela torcida do Arsenal. O espanhol passou por problemas físicos nas temporadas anteriores e, atualmente, está longe das lesões e retornando ao bom futebol.


 
O atacante Eddie Nketiah já soma cinco gols na atual temporada. Com apenas 19 anos de idade, o inglês vem atuando muito bem como centroavante. Uma grata surpresa é o meio-ofensivo Rowe, que jogou 14 partidas, marcou cinco gols e deu cinco assistências. A mídia inglesa elogia a sua participação, tanto ofensiva quanto defensivamente. O clube vem ganhando destaques com a base e, mesmo demorando pra engrenar na atual competição, é apenas o 10º colocado, o time mostra um planejamento muito interessante e que, futuramente, pode render frutos.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »