14/02/2021 às 14h09min - Atualizada em 14/02/2021 às 13h24min

Witchcore: Tendência dos anos 70 traz estilo de bruxas atuais

A estética é marcada pela liberdade e personalidade forte nas peças

Juliana Alves Bral - Editado por Larissa Barros
Marcas criam coleções inspiradas na tendência | Reprodução: H&M

A tendência que ganhou força no final do segundo semestre de 2020, Witchcore, já tem seu espaço garantido neste ano. O estilo faz referência às bruxas, trazendo elementos góticos, e uma estética baseada em cores intensas e de fluidez das peças.

Uma das pioneiras nesse estilo é a cantora da banda de rock Fleetwood Mac, Stevie Nicks, que por volta de 1970 era considerada um ícone fashion por sempre inovar em seus figurinos. Stevie inovava com tecidos transparentes, mangas longas, colares com grandes pedras, inúmeras camadas de tecido e botas de salto, trazendo toda referência mística para cima do palco.

Alguns astros da música pop atual também aderiram ao estilo, como Lana Del Rey, Florence Welch, vocalista da banda Florence and the Machine e Harry Styles. Porém, com adaptações ao estilo, deixando ainda mais moderno, fluido e com movimento.

O estilo que tem influência direta da era Vitoriana, também é uma das inspirações da marca italiana Gucci desde a entrada de Alexandro Michelle na direção criativa, fugindo dos tons mais fortes e intensos e apostando numa releitura mais colorida e atual, mas sem perder a essência mística.

Nos últimos anos, a tendência tem ganhado ainda mais força pelas redes sociais, principalmente Tik Tok e Instagram, onde a hashtag #witchcore conta com milhares de publicações acompanhadas de fotos e vídeos de looks de “bruxas modernas”. O estilo é marcado pela liberdade e personalidade nas peças.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »