28/06/2021 às 10h33min - Atualizada em 28/06/2021 às 10h26min

Brasil perde invencibilidade; Equador garante a classificação nas quartas de final da Copa América

Sem Neymar, Seleção brasileira não faz um bom jogo e ficam no empate do torneio

Mickaelly camilly - Editado por Juan Camilo
Foto: Reprodução/Getty Images
Na noite deste último domingo (27), o Brasil perdeu a invencibilidade de 10 vitórias consecutivas, com o empate de 1 a 1 contra o Equador, no Estádio Olímpico Pedro Ludovico Teixeira, em Goiás. O jogo aconteceu pela última rodada da fase de grupos da Copa América. A equipe de Tite já contava com a classificação, por isso poupar alguns jogadores pendurados, como Neymar, Gabriel Jesus e Alex Sandro. Já os equatorianos, garantiu a classificação através do empate, totaliza três pontos e termina na 4º colocação.

PRIMEIRO TEMPO

Nesta primeira etapa, a posse de bola brasileira superou os 70%. Mas, os brasileiros levaram um susto aos 10 minutos, com o Valencia que avistou Alisson adiantado e arriscou por cobertura, a bola passou por cima. Logo depois, Paquetá que apenas tinha jogado 35 minutos contra Colômbia, entrou como titular, e ajudou na construção das jogadas,apareceu na direita, aos 13’, puxou para a canhota e arriscou o chute, porém Galíndez fez a defesa. Posteriormente, outra defesa aconteceu,aos 19', novamente em jogada de Paquetá, pasou para Gabigol, o atacante tentou a finalização mas ficou para a defesa do goleiro.

Aos 26’, foi o oposto, Gabigol ajeitou para o camisa 17 que finalizou com muito perigo no gol. O domínio da partida estava com os brasileiros, o gol saiu,aos 36 minutos, em uma cobrança de falta de Cebolinha na área, o zagueiro Militão cabeceou no ângulo, sem chances para o goleiro, e 
fez seu primeiro gol pela seleção. Por fim, o Brasil estava com segurança durante o primeiro momento.
 
SEGUNDO TEMPO

Na segunda etapa, os equatorianos entraram com mais ação e objetividade, já no início empataram a partida, isso ,aos 7 minutos, o empate ocorreu em um cruzamento no escanteio, os brasileiros não afastaram a bola na área, Mena fez a movimentação e finalizou firme para o susto de Alisson, 1 a 1. Depois do gol, o Equador partiu para o jogo com mais volume e precisão. Em jogada perigosa,aos 12, Militão afastou a virada.

Uma chance brasileira,aos 20’, Paquetá cruzou na segunda trave, e Vinicius Jr, tentou a finalização de carrinho, mas foi sem direção. Por outro lado, Equador estava melhor em campo, e arriscou duas vezes, a primeira com Estupiñán,aos 34’, para a defesa de Alisson, e a segunda através de um cruzamento pela esquerda para Campana, ele subiu entre os zagueiros, mas cabeceou para a linha de fundo. A seleção neste período possuiu desempenho baixo e apenas duas finalizações, assim, quebrou o recorde de 10 vitórias consecutivas.
 
PRÓXIMOS CONFRONTOS

Os jogos de classificação chegaram ao fim, agora é mata-mata. Na sexta-feira (2), às 21h (horário de Brasília), o Brasil entrará em campo pelas quartas de final da Copa América, no Nilton Santos, o adversário ainda não está decidido: será Chile ou Uruguai. Já a seleção equatoriana aguarda o fim da primeira fase e o adversário para a próxima fase. A partida está marcada para sábado (3), as 22h (horário de Brasília), no Estádio Olímpico. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »