10/04/2022 às 21h00min - Atualizada em 10/04/2022 às 20h35min

Botafogo perde para o Corinthians em sua volta à Série A

Fogão não teve bom desempenho diante do Corinthians e perdeu em casa por 3 a 1

Guilherme Castro - Editado por: Alan Martins
Corinthians enfrenta o Botafogo fora de casa e vence na estreia. Reprodução: Rodrigo Coca/ SC Corinthians

O Botafogo de John Textor estreou na Série A com derrota por 3 a 1 diante do Corinthians. O resultado acabou estragando a festa da torcida botafoguense no jogo disputado pela 1ª rodada do Brasileirão, neste domingo (10), no estádio Nilton Santos, na capital do Rio de Janeiro. Desde o início da partida, o ponta esquerda Willian mostrou que estava inspirado e bagunçou a defesa do Fogão, ele deu assistência para o primeiro gol do jogo, marcado por Paulinho em uma finalização perfeita, e para o terceiro, marcado por Lucas Piton, o segundo foi marcado por Gustavo Mantuan, de cabeça. Na segunda etapa, o time da casa mostrou sinais de reação com as alterações feitas no intervalo e tornou o jogo mais disputado, mas não foi o suficiente para reverter o placar, conseguindo marcar somente um gol de pênalti com Diego Gonçalves.

 

1° TEMPO

 

O Corinthians foi muito superior na primeira etapa, Willian foi o maior ponto de desequilíbrio entre as equipes, estando presente em quase todas as jogadas de ataque construídas pelo time paulista.

 

O Botafogo teve sua chance mais perigosa aos quatro minutos, em contra-ataque rápido Victor Sá tocou na medida para Erison, que driblou Cássio mas ficou sem ângulo e não conseguiu finalizar. O Timão passou a pressionar bastante com as descidas em velocidade de Willian, até que, aos 16 minutos, ele encontrou Paulinho entrando sozinho na grande área e mandou um cruzamento de trivela para o volante, que não desperdiçou e mandou um lindo chute para o fundo da rede, abrindo o placar do jogo.

 

O segundo gol veio após cobrança de escanteio aos 26 minutos, Roger Guedes recebeu a bola na segunda trave e ajeitou para a finalização de Gustavo Mantuan, que só teve que empurrar ela para dentro, inicialmente o gol foi invalidado, mas após análise do VAR, a posição regular de Guedes foi confirmada, validando o gol corintiano. Nesse momento, a torcida botafoguense perdeu a paciência e começou a vaiar o lateral-esquerdo Jonathan Silva, que cometeu vários erros defensivos. 

 

Com pouca criatividade ofensiva, o Botafogo passou a apostar nos cruzamentos mas não houve efetividade, parando sempre na defesa do time paulista. Para fechar uma primeira etapa de gala, aos 44 minutos, Willian tabela de calcanhar com Paulinho, entra na grande área e passa a bola para Lucas Piton finalizar com confiança e marcar o terceiro do Corinthians. 

 

2° TEMPO

 

O time carioca voltou com várias alterações para a etapa final, saíram Lucas Piazon, Jonathan Silva e Erison para a entrada de, respectivamente, Diego Gonçalves, Hugo e Matheus Nascimento, que mudaram a postura do Fogão no jogo. Do lado corintiano saíram Willian e Paulinho, ambos com desgaste muscular, para a entrada de Adson e Roni.

 

O Botafogo começou atacando, aos quatro minutos, Chay testou de longe mas não conseguiu surpreender Cássio, que defendeu com facilidade, porém, já mostrava que o time seria mais ofensivo na segunda etapa. Logo depois, aos oito minutos, Chay cobra o escanteio para a área e acha Kanu, que sobe livre e cabeceia a bola em direção ao chão, mas ela quica e sobe muito, passando por cima do gol.

 

A jóia botafoguense, Matheus Nascimento, teve sua primeira grande chance aos 13 minutos, quando recebeu a bola de Diego Gonçalves e ficou de frente para o goleiro adversário, mas deixou a desejar na finalização, mandando por cima da trave. O gol botafoguense saiu no minuto 18, quando foi marcado pênalti de Roni em Matheus Nascimento, Diego Gonçalves foi o responsável por fazer a cobrança, chutando a bola no canto esquerdo, sem chances de defesa para Cássio.

 

O Corinthians ainda teve chances de ampliar a vantagem, aos 22 minutos Adson foi para a entrada da grande área botafoguense, fez linda tabela com Giuliano e ficou de frente com Gatito mas não conseguiu finalizar da melhor forma, parando na grande defesa do goleiro adversário. Pouco depois, aos 27 minutos, Gatito fez outra linda defesa, espalmando a finalização de Giuliano para longe do gol. No minuto seguinte, João Victor fez lambança e perdeu a bola, Chay viu Matheus Nascimento livre e faz o passe em profundidade, o atacante recebeu e bateu de primeira sem muita força, facilitando a defesa de Cássio.

 

O Timão optou por jogar mais defensivamente e recebeu pressão do Botafogo no restante da etapa final. Conseguindo controlar os ataques do time carioca, o Corinthians não cedeu chances e manteve o placar favorável, levando a vitória e os três pontos para casa.

 

PRÓXIMOS CONFRONTOS

 

O próximo confronto do Fogão será no próximo domingo (17), às 19h, no Castelão, em Fortaleza, diante do Ceará pela 2ª rodada do Brasileirão. 

 

O Corinthians recebe o Deportivo Cali nesta quarta-feira (13), às 21h, na Neo Química Arena, em São Paulo, pela 2ª rodada da fase de grupos da Copa Libertadores.

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »