13/08/2019 às 12h32min - Atualizada em 13/08/2019 às 12h32min

Grêmio e Athletico-PR se reencontram pelas semifinais

No último duelo entre os times pelo torneio, o Imortal eliminou o Furacão com duas vitórias

Juan Pablo - Editado por Paulo Octávio
Crédito: Grêmio - Divulgação
Grêmio e Athletico-PR  decidem vaga para a final da Copa do Brasil 2019. O jogo de ida das semifinais acontece nesta quarta-feira (14), na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, às 21h30 (horário de Brasília). O time paranaense comandado por Thiago Nunes tem a missão de fazer um resultado positivo para o jogo de volta, na Arena da Baixada, em Curitiba, no dia 04 de Setembro.

GRÊMIO
Os mandantes têm quase todos os jogadores a disposição do técnico Renato Gaúcho.  Michel e Diego Tardelli ainda são dúvidas. O primeiro se recupera de lesão, e o atacante  sofre com dores nos tendões, mas participou normalmente das atividades de ontem (12). Tardelli não foi para o Rio de Janeiro, onde o Imortal foi derrotado para o Flamengo, no último sábado, e permaneceu em Porto Alegre com o restante dos jogadores titulares. Em caso de recuperação do jogador, a vaga de André entre os titulares fica ameaçada. O tricolor é o segundo maior campeão do torneio com cinco títulos (1989, 1994, 1997, 2001 e 2016), vai em busca de uma vaga na final e do hexa.

PROVÁVEL ESCALAÇÃO: Paulo Victor; Leonardo, Geromel, Kannemann e Cortez; Maicon, Matheus Henrique, Alisson, Jean Pyerre e Everton; André (Tardelli).

ATHLETICO-PR
A preparação do furacão para  a partida contra o Grêmio conta uma mudança imediata na zaga.  Pedro Henrique não pode jogar por já ter defendido o Corinthians na Copa do Brasil deste ano. Com isso, Lucas Halter, zagueiro de 19 anos, ganha chance entre os titulares. No setor ofensivo, Bruno Nazário, Nikão e Marcelo Cirino disputam duas vagas. Nazário ganhou a posição de Nikão na vitória por 4 a 0 sobre o Shonan Bellmare, no Japão, pela decisão da J. League/Conmebol. Já o centroavante Marco Ruben, tem boas lembranças de jogos contra o clube gaúcho. Ele foi o carrasco dos gremista na Libertadores de 2016, quando jogava pelo Rosário Central.  O Athletico-PR busca seu primeiro titulo na Copa do Brasil. A última vez que o furacão chegou a uma disputa de final foi na Copa do Brasil em 2013. Naquela oportunidade, clube enfrentou o Flamengo. Empatou em casa e foi derrotado no Maracanã.

PROVÁVEL ESCALAÇÃO: Santos; Jonathan, Lucas Halter, Léo Pereira e Márcio Azevedo; Wellington, Bruno Guimarães e Nikão (Bruno Nazário); Marcelo Cirino, Rony e Marco Ruben.

HISTÓRICO DE CONFRONTOS

 Ambas equipes se enfrentaram pela última vez na Copa do Brasil em 2017 nas quartas de finais. O tricolor eliminou o furacão com duas vitórias: 4 a 0, na Arena do Grêmioe 3 x 2, na Arena da baixada. Já em 2016  a disputa foi mais emocionante. Também nas quartas, o Atlético devolveu a derrota por 1 a 0 em Porto Alegre. Nos pênaltis, o tricolor venceu por 4 a 3. Mas foram 16 cobranças: paranaenses erraram cinco, e os gaúchos, quatro.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »