07/10/2019 às 16h06min - Atualizada em 07/10/2019 às 16h06min

O que você precisa saber sobre a depressão

Vitor Silva Lima - Editado por Socorro Moura
https://alunosonline.uol.com.br/biologia/depressao.html
Pinterest
"A vida parece uma tortura". "A alegria já se foi a muito tempo, e os sorrisos frequentes não mais foram mostrados". São exatamente esses pensamentos que estão presentes na vida de uma pessoa que tem uma doença, uma doença chamada depressão.

Somos agraciados com o dom da vida, e o mais óbvio é que se viva, de forma inesquecível ou moderada. Todos possuem seu próprio tempo, suas próprias aventuras, mas também suas tristezas. Parece até absurdo ver alguém querer tirar a própria vida, para alguns frescura, já para outros o desprazer pela vida.

No mundo de hoje, com suas correrias insanas e diárias, é até incomum achar uma pessoa que sobreviva até o final do dia sem transparecer cansaço. O mais comum é que numa sociedade frenética como a nossa várias pessoas sofrem com um psicológico cada vez mais abalado e frágil. Seja por a pressão do trabalho, o desgaste da rotina, ou até mesmo por questões pessoais.

Vivemos em um mundo que não para um segundo, está sempre em ação, inventando coisas ou até mesmo usando o que cria. Mas por trás de todo esse avanço da humanidade, existe um pequeno problema, bem, pequeno é pouco, mas sim gigantesco. Um fato muito comum hoje em dia, é que infelizmente muitas pessoas se sentem depressivas e com pensamentos totalmente negativos.

Sem conseguir encontrar uma saída aparente, elas acabam sucumbindo ainda mais num estado de melancolia que parece não ter fim. E na pior das hipóteses podem levar o indivíduo a ter pensamentos suicidas, e cometê-los em casos mais graves. 

Com o avanço das grandes tecnologias, foi criado também vários meios de interação social, dentre eles as redes sociais. Existem vários tipos, cada um com uma proposta diferente. Em contrapartida muitas pessoas usam esse "espelho", que as redes sociais proporcionam, para justamente esconderem a própria realidade para seu público. Querendo passar sempre uma imagem alegre e descontraída. 

Mas, a coisa não é bem por aí, muitas se escondem atrás de sorrisos e fotos descontraídas para justamente esconderem seu lado mais depressivo. Isso só mostra e prova ao mesmo tempo que a vida de uma pessoa não se resume só ao que ela está postando. Para se ter uma ideia, a depressão é uma doença psiquiátrica crônica e recorrente, que produz uma alteração do humor caracterizada por uma tristeza profunda, podendo ser composta por amargura, dor ou até mesmo sentimento de culpa. 

Uma coisa que muita gente faz erroneamente é pensar que tristeza e depressão são farinha do mesmo saco. Mas a realidade não é bem essa. A depressão em si é a perda de prazer por coisas que antes davam alegria, e os seus sintomas podem persistir por meses ou até anos. Já a tristeza, é provocada por algum motivo aparente, onde dura pouco tempo e se encontra uma solução sem grandes gravides psicológicas. 

Voltando a falar da depressão, vale ressaltar um dado bastante importante e alarmante sobre ela. Estima-se que trezentas e cinquenta milhões de pessoas são afetadas por essa doença. Outro fator importante e relevante a se destacar, é quanto os seus sintomas, que podem ser: ansiedade, angústia, desânimo, indecisão, sentimentos de culpa ou isolamento. 

Por conta de tal enfermidade, foi pensado e criado o chamado Setembro Amarelo, onde se é lembrando sobre a depressão e a valorização da vida. Tendo várias campanhas de incentivo a vida e sistemas de atendimento a pessoas que queiram desabafar via telefone. O chamado centro de valorização a vida, ou como é mais conhecido(CVV), é responsável por dar auxílio emocional e psicológico, onde o interessado pode entrar em contato através do número 188 e contar sobre o que ela está passando. 

Muitas pessoas se escondem atrás de sorrisos, justamente para não preocupar as outras ao seu redor. Desconfie de uma mudança de comportamento repentina, falas melancólicas, ou até mesmo sinais no celular de uma pessoa que deem pistas de que ela está depressiva, seja com um wallpaper triste ou com algum tema pesado, ou até mesmo postagens com conteúdo melancólico. 

A sociedade pressiona cada vez mais umas às outras para serem aquilo que não são, colocando-as em um patamar de julgamento, ou até descrença por parte de alguns. A vida não pode parar antes do tempo, e a ajuda não deve ser cedida somente quando já não a mais o que fazer. A preocupação e policiamento começa no hoje, pois o amanhã pode levar alguém que você tanto ama, por causa de uma doença que a maioria não percebeu. Se importe, cuide e ame, a vida é mais importante do que você imagina. Faça o melhor acontecer, e deixe o amor florescer.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »