31/07/2020 às 15h28min - Atualizada em 31/07/2020 às 15h04min

Conheça as belezas de Malta, pequeno arquipélago europeu

Victoria Ribeiro Santos - Alexandra Machado
Rua da capital Valeta (Thinkstock)
Malta é um pequeno país europeu cercado pelo Mar Mediterrâneo. O arquipélago fica localizado ao sul do continente e bem próximo da Itália, porém o inglês é o idioma co-oficial da ilha. Apesar de ser um país europeu, a proximidade com a África faz de Malta um lugar onde a cultura árabe pode ser facilmente observada, principalmente na arquitetura.

Malta é dividido em três ilhas: Malta (a maior e também sede da capital Valletta), Gozo e Comino. Marcada pelo calor, tranquilidade, templos antigos, águas azuis e muitas igrejas, afinal, é um país bastante religioso, são 365 construções religiosas em todo o país, Malta oferece lugares incríveis que iremos apresentar a seguir.


Valleta


Com apenas seis mil habitantes, Valleta é a capital da ilha de Malta, além de ser uma das cidades maltesas que também foi declarada Patrimônio da Humanidade pela Organização das ações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco). Sua história possui ligação com a ordem religiosa e militar Cavaleiros de Malta e só nela é possível encontrar quase 40 igrejas. Outros pontos de interesse são o Palácio das Armaduras, os jardins Upper Barrakka Gardens e o Palácio do Governo. Vale a pena visitar e se deliciar com a comida mediterrânea servida nos restaurantes das ruas de Valleta. 

Mdina, a cidade do silêncio


Antiga capital de Malta, Mdina tem apenas 300 habitantes. Conhecida como ”a cidade do silêncio” possui ruas estreitas e somente os moradores são autorizados a entrar com carros na pequena cidade.
Mdina foi cenário da série televisiva Game of Thrones, com suas construções representando o Porto Real na trama.


Marsaxlokk


O local é uma pequena vila de pescadores. Por isso, existem vários restaurantes em frente à baía. Marsaxlokk é famosa por oferecer um cardápio variado de peixes frescos e um ambiente relaxante. Seu popular mercado de peixes aos domingos, além de ótimas ofertas gastronómicas, oferece também uma festinha de recepção para os turistas.

Saint Julian’s


Entre os pontos turísticos de Malta mais cobiçados está Saint Julian. A cidade possui uma charmosa vila de pescadores, arquitetura latina com construções que datam de 1688 e um point de baladas que deixa a vida noturna agitada. É em Saint Julian que a noite da ilha de Malta acontece.

Citadella em Gozo


Gozo é a segunda maior ilha, depois de Malta, e só é acessada de barco. A cidade mantém uma das muralhas militares mais bem preservadas de toda a Europa e teve sua construção iniciada ainda nos tempos neolíticos. É na citadela que se encontram a Catedral de Victoria, Catedral de Gozo e também o templo monolítico de Tal-Ġgantija.

Os templos megalíticos de Malta


Hagar Qim e Mnajdra são dois templos megalíticos, ou seja, grandes construções de pedra sobrepostas, localizadas na ilha de Malta e datados entre 3600 a.C. e 3200 a.C. Inicialmente, eles foram construídos estrategicamente para aproveitar a luz do sol durante o solstício de inverno e verão. Hoje, é um sítio arqueológico com uma bela paisagem

Blue Lagoon


Localizada na menor ilha do arquipélago, Comino, Blue Lagoon possui uma praia de águas azul-turquesa e areias brancas. Devido ao tamanho do lugar, a infra-estrutura é bem básica e só há um hotel. Para chegar lá é somente de barco, que pode ser os de excursões fechadas, que incluem também outros pontos turísticos, ou por conta própria, pegando alguma embarcação direto para Blue Lagoon.

St Peter’s Pool


Fica próximo da vila de Marsaxlokk, ao sul de Malta, e é uma das piscinas naturais em meio às rochas calcárias da ilha. Devido à localização um pouco mais afastada, tem menos turistas, logo, é um ponto mais tranquilo, com mais chances de encontrar espaço para curtir a beleza do local.
A formação natural de St Peter’s Pool se deve ao fato de uma falésia de calcário ter se rompido, fazendo com que o local tenha forma semi-circular e se pareça, de fato, com uma piscina. Ao redor, as rochas acabam fazendo o papel da areia nas praias: pessoas tomam sol e observam a beleza das águas, além de praticarem alguns saltos!


Curiosidades

- Malta é um dos destinos mais procurados por intercambistas, isso porque entre os idiomas oficiais, está o inglês. Para quem deseja passar um período na ilha como estudante, é necessário solicitar o visto, que não permite trabalho part-time. Ter um emprego, ainda que com carga reduzida, exige outro tipo de visto.

- No arquipélago europeu a arquitetura é predominantemente amarela/bege, já que a maioria das construções, princincipalmente mais antigas, são feitas de pedra calcária, e pintar uma parede de pedra é muito trabalhoso devido ao fato de não ser uniforme. Então, as construções foram ficando amarelas e hoje servem de cartão postal, e até as novas casas construídas ficam amarelas.

- Na ilha quase não existem árvores, por isso as construções de madeira são raras e a maioria bem antiga. Além disso, o clima é bem árido e o solo rochoso,favorável para a existência de muitos cactos.




 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »