26/04/2019 às 12h10min - Atualizada em 26/04/2019 às 12h10min

Figurino da série "Coisa mais linda" retrata fielmente estilo dos anos 50

Por Larissa Barros
Foto: reprodução da internet

O figurino da série brasileira "Coisa mais Linda", produzida pela plataforma de streaming Netflix, retrata fielmente a moda dos anos 50 no Brasil, época conhecida como Anos de Ouro por causa da construção de Brasília e o sonho de uma vida mais moderna. A protagonista Malu, vivida pela atriz Maria Casadevall, encanta a todos com a sua personalidade, estilo, a luta por uma vida independente e os seus looks durante a série.

                                               

A moda desse período era inspirada pelo New Look, estética criada pelo estilista Christian Dior, em 1947. Composta por saias que tinham que ser medidas com até 40 cm acima do chão, as produções da grife francesa não eram feitas para as massas. Considerada uma empresa elitista, a Dior era direcionada às pessoas com posses. No entanto, o New look acabou expandindo-se e inspirando mulheres de diversas classes sociais e países.

  

Durante esses anos começaram a surgir muitos jornais e revistas direcionados ao público feminino, com conteúdos considerados ideais para a mulher ser uma boa esposa, dona de casa e como deveria se vestir em cada ocasião. Um dos jornais que ficaram mais conhecidos durante a época foi o Jornal das Moças, pois trazia informações sobre tecidos e novas tendências dos estilistas de fora do país.

Em 1050, a sociedade carioca era muito influenciada pelo clima litorâneo, o calor da cidade e os ritmos do Jazz americano, Samba e Bossa Nova. Entre as peças mais comuns nos guarda-roupas femininos estavam vestidos tubinho com botões, blusas com gola alta, e tecidos com cores vivas.

 


      Foto: jornal da mulher-1947

 


 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »