06/10/2020 às 14h38min - Atualizada em 06/10/2020 às 14h35min

Dérbi 197: Ponte Preta e Guarani buscam reabilitação na Série B em clássico campineiro

Além da rivalidade histórica, as duas equipes precisam voltar a vencer para seguirem vivos na competição

Anna Voloch - Editado por Paulo Octávio
Lance do último confronto entre Ponte Preta e Guarani, em março deste ano. (Foto: Reprodução/Álvaro Jr/PontePress)
Ponte Preta e Guarani se enfrentam nesta terça-feira pela 14ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. A partida acontece às 21h30 (horário de Brasília), no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas. O Dérbi Campineiro marca uma rivalidade histórica de quase 200 jogos entre os dois times da cidade. Este será o segundo confronto da história entre os clubes que acontece com portões fechados, devido a pandemia do novo Coronavírus. O primeiro foi no início da epidemia no Brasil, em março.
 
Apesar dos dois times estarem em partes opostas da tabela, ambos chegam pressionados para o clássico. O Dérbi é uma competição à parte, mas os clubes sentiram nas últimas rodadas as maiores dificuldades dessa Série B. A Macaca, que chegou a ser líder da competição, deixou o G-4 após duas derrotas consecutivas e ocupa agora a quinta posição, além da queda do técnico João Brigatti por divergências com a diretoria. O Bugre, há cinco jogos sem vencer, ocupa a 19ª posição da tabela. Dessa forma, um resultado positivo é tudo que as duas equipes buscam na partida de hoje.
 
PONTE PRETA
 
A Ponte vai para o jogo com o técnico interino Fábio Moreno, que também comandou a equipe na derrota contra o Juventude por 3 a 1. A equipe conta com o retorno do destaque João Paulo, artilheiro da Macaca na competição, que cumpriu suspensão na última rodada e deve entrar no time titular no lugar de Luan Dias. Além do camisa 10, O volante Luís Oyama também deve retornar ao time principal.

A defesa, principal dificuldade dos alvinegros na competição, pode contar com o retorno de Wellington Carvalho caso seja liberado pelo departamento médico. Nesse caso, Alisson deve voltar para o banco. Igualmente dependente do DM, Rayan também pode voltar a ficar disponível para o treinador interino, assim como o atacante Osman. O meia Camilo, que entrou durante a partida contra o Juventude, também deve começar no banco contra o Bugre e entrar ao longo do jogo para recuperar o ritmo aos poucos.
 
Provável escalação: Ivan; Apodi, Luizão, Alisson (Wellington Carvalho) e Ernandes; Luís Oyama, Neto Moura e João Paulo; Moisés, Bruno Rodrigues e Matheus Peixoto. Técnico (interino): Fábio Moreno.
 
GUARANI
 
O Bugre entra em campo na luta para se afastar do Z-4. Depois de três empates consecutivos, a equipe do técnico Ricardo Catalá busca o reencontro com a vitória, que ganha um sabor a mais se acontecer diante do principal rival. As principais dúvidas no Guarani são os atacantes Júnior Todinho, em processo de recuperação, e Rafael Costa, que saiu do empate contra o América-MG sentindo dores.

Catalá, no entanto, conta com o retorno do lateral Bidu, que cumpriu suspensão na última rodada e disputa a posição de titular com o recém-chegado Erick Daltro. O único desfalque certo é Alanzinho, que fraturou a perna esquerda no último jogo e segue em recuperação. Quanto às questões táticas, Catalá preferiu manter o mistério de quais jogadores serão aproveitados em cada posição;
 
Provável escalação: Gabriel Mesquista. Cristóvam, Wálber, Didi e Erick Daltro (Bidu); Deivid, Eduardo Person (Lucas Abreu), Murilo Rangel, Lucas Crispim e Waguininho (Todinho); Rafael Costa. Técnico: Ricardo Catalá.
 
HISTÓRICO DE CONFRONTOS
 
Esse será o Dérbi de número 197. No retrospecto dos confrontos, as equipes se enfrentaram 196 vezes, com 67 vitórias do Guarani e 64 da Ponte Preta, além de 64 empates e um resultado desconhecido (1912). A última partida entre os times campineiros foi pelo Campeonato Paulista no dia 16 de março, no Estádio Brinco de Ouro e terminou com vitória do Bugre, de virada, por 3 a 2.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »