10/10/2020 às 01h30min - Atualizada em 10/10/2020 às 01h30min

Choque-rei põem tabus e crises de técnicos em jogo

Luciano e Luiz Adriano retornam para o São Paulo e Palmeiras, respectivamente

Paulo Octávio
Vanderlei Luxemburgo e Fernando Diniz se cumprimentam antes do clássico em Araraquara. Foto: Marcos Ribolli/Globo Esporte
Com uma vitória no jogo deste sábado, às 19h (horário de Brasília), contra o Palmeiras, o São Paulo quebra vários tabus. O de nunca ter vencido um jogo no Allianz, o de três temporadas sem conquistar um clássico fora do Morumbi, e o de dez jogos sem bater o Verdão. O último triunfo do tricolor em partida com mando do Alviverde foi em 2014, no Pacaembu, com Muricy Ramalho no comando.
 
Curiosamente o último técnico do São Paulo que venceu o Palmeiras e um dos três grandes paulistas como visitante foi Rogério Ceni. Em 2017, com o ex-goleiro, que a torcida deseja ver no comando do time ano que vem, o clube bateu Verdão, no Morumbi, por 2 a 0; e o Santos, na Vila por 3 a 1.
 
Fernando Diniz vem sendo fritado pelo torcedor incomodado com eliminação no Paulista e na Libertadores. Mas a corneta parou de soar após a vitória sobre o Atlético GO na última quarta. O triunfo com mudanças na equipe (entradas de Brenner, Vitor Bueno, Luan e Bruno Alves) e o fracasso do Alviverde diante o botafogo dão esperança do fim dos jejuns.
 
E com uma vitória o Palmeiras mantêm hegemonia em clássicos no Brasileirão. O time, que não venceu seus grandes rivais no Paulistão, bateu o Corinthians e o Santos no campeonato nacional. E o triunfo alivia a pressão contra Vanderlei Luxembugo, que apesar do título estadual é contestado pela torcida e por conselheiros do clube após os empates que impediram o clube de conquistar à liderança.
 
O passado ajuda o Palmeiras, e o presente dá esperança ao São Paulo. A ver o que a noite deste sábado reserva para ambos.
 
 SÃO PAULO
 
O Tricolor terá a volta de Luciano, que cumpriu suspensão no jogo contra o Atlético GO. Mas não terá Gabriel Sará. O responsável por um dos três gols da vitória contra o Dragão está suspenso devido ao terceiro cartão amarelo. E Juanfran, com estiramento no joelho esquerdo, também é desfalque.
 
Provável escalação: Tiago Volpi; Igor Vinicius, Bruno Alves, Diego Costa e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê, Daniel Alves e Igor Gomes; Luciano e Brenner
 
PALMEIRAS

Verdão também terá retorno de um atacante. Luiz Adriano, que sofreu lesão muscular, volta à equipe. Lucas Esteves supre carência na zaga que está desfalcada. Os principais jogadores de defesa do time mandante defendem suas respectivas seleções. São eles Weverton, Matias Viña e Gustavo Gomez, além de Gabriel Menino, que atua pela seleção sub-20. 
 
Provável escalação: Jaílson; Marcos Rocha, Felipe Melo, Luan, Lucas Esteves; Patrick de Paula, Zé Rafael (Ramires), Raphael Veiga; Wesley (Verón), Willian e Luiz Adriano
 
HISTÓRICO DE CONFRONTOS
 
O Choque-rei é marcado pelo equilíbrio. Em 323 jogos foram 109 vitórias do Palmeiras; 108, do São Paulo, e 106 empates. O último confronto entre ambos foi o 0 x 0 em Araraquara pelo Campeonato Paulista.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »