16/02/2021 às 19h33min - Atualizada em 16/02/2021 às 19h25min

Bruno Rodrigues é o primeiro reforço do São Paulo para 2021

O atacante da Ponte Preta foi destaque na temporada e logo vestirá o manto vermelho e preto

Mickaelly Camilly - editado por Wesley Bião
Bruno Rodrigues com a camisa do novo clube (Foto: Reprodução/ Twitter São Paulo FC)

Nesta segunda-feira (17), o atacante Bruno Rodrigues passou por exames médicos e avaliações, e assinou o contrato de empréstimo por um ano com o São Paulo, coordenado pelo novo técnico Hernán Crespo. O empréstimo do atacante vai custar R$ 250 mil reais, um valor pré fixado, já o valor definitivo para a contratação é de R$ 1,2 milhões de Euros caso o Tricolor tenha um interesse definitivo. 

 

Com o término do contrato com o Majestoso no dia 31 de janeiro e com o grande destaque que teve na equipe, a saída do atacante comoveu a torcida, que subiu a hashtag #FicaBruno, pedindo a permanência do jogador. Por sua vez, a Ponte Preta estava disposta a insistir e brigar pelo atleta. Ofereceu quatro propostas, até mesmo abriu seu teto salarial para 70 mil pelo atacante. Não apenas a equipe alvinegra, mas Cruzeiro, Ceará e Fluminense conversaram com os representantes de Bruno Rodrigues, porém, o Tricolor paulista levou vantagem.

 

BIOGRAFIA E CAMPANHA

 

Bruno Rafael Rodrigues do Nascimento nasceu dia 7 de março de 1997, no Ceará, tem 23 anos, é destro, joga como atacante pelas pontas e tem como seus pontos fortes drible e velocidade. Foi líder de assistência da Série B, com sete assistências. Na temporada 2020, totalizou 29 jogos com sete gols marcados, seis grandes chances criadas e 49% de média de dribles certos. Participou de quatro jogos da Copa do Brasil e deu duas assistências. No Paulistão, 14 jogos, quatro gols marcados, totalizando 11 gols ao todo. Seu único título é o Campeonato Paranaense.

 

DESAFIOS

 

O sócio João Batista tirou Bruno da rua, com 13 anos. Acolheu e o levou para dormir na própria churrascaria enquanto treinava no Santa Cruz, de Natal. Como forma de agradecimento, antes de ser contratado pelo Tricolor Paulista, Bruno deu um carro 0km para João, que sempre acreditou na carreira dele.

 

O atacante atuou no time sub-23 do Santa Cruz de Natal e em 2017 foi emprestado para o Joinville, para as disputas da Série C. Em 2018, Bruno ficou por seis meses no clube cipriota Doxa Katokopias. Com o término do contrato pelo Athletico-PR, assinou em dezembro de 2019 com a Tombense e imediatamente foi emprestado à Ponte Preta para a temporada 2020, seu último clube.

 

SUPERAÇÃO

 

Em março, antes da paralisação devido a pandemia, o jogador passava por uma fase difícil e não agradava a torcida. Sendo assim, Bruno estava na lista dos dispensados. Com a paralisação resultada pelo Covid-19, o atacante aproveitou esse tempo para se cuidar, voltar com tudo e recuperar a confiança dos torcedores. Durante a parada perdeu sete quilos, seguindo um cardápio sem alimentos gordurosos que consumia com frequência, e treinos diários nos 20 andares do prédio onde mora. Todo esse esforço deu resultado, contribuiu com a equipe e foi admirado pela torcida alvinegra.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »