23/06/2021 às 22h04min - Atualizada em 23/06/2021 às 21h55min

Natrium: o mais novo projeto radioativo com ideologia renovável

Projeto de reator nuclear no Estado americano de Wyoming prevê produção de energia geotérmica e diminuição na emissão de dióxido de carbono

Beatriz Macedo - Editado por Manoel Paulo
Nas lembranças da história humana, reatores nucleares nunca estiveram entre as melhores recordações. A pior de todas elas, é datada em 1986, na Ucrânia, onde a explosão de um reator que levou muitas pessoas a morrerem. Os números não são precisos segundo reportagem da BBC, 31 pessoas morreram diretamente, mas a Organização das Nações Unidas (ONU) fala em 50 mortes. Em 2005 as mortes que teria ocorrido por causa da exposição a radiação chegaria em 4 mil.

Por isso, quando o grande magnata tecnológico Bill Gates anunciou a produção de um projeto piloto de um reator ao lado de Warren Buffet, principal acionista da Berkshire Hathaway, todos os que sabem a importância dessa iniciativa, pararam para ouvir. O projeto com investimento inicial de U$80 milhões de dólares, levará cerca de sete anos para ser construído, e sua sede será localizada em uma usina de carvão desativada no Estado de Wyoming, nos Estados Unidos, considerada uma das principais regiões quando se pensa em combustíveis fósseis.  Empresas de energia como TerraPower, criada por Gates, e PacifiCorp de Buffet, serão responsáveis pelo andamento do plano de construção. 
 
Gates tem como intuito a diminuição das alterações climáticas e o impulsionamento de energias renováveis, mas como? De acordo com o fórum vinculado à GE HItachi Nuclear Energy, Natrium é uma nova tecnologia que pretende simplificar os tipos de reatores já existentes", com o conceito de armazenamento e produção de energia com sistema de armazenamento de sais fundidos capaz de gerar 345 megawatts.

O reator do tipo de ondas variantes, do inglês TWR - se difere de outros reatores por não utilizar o reprocessamento ou enriquecimento de urânio, será capaz de produzir energia suficiente para fornecer a cerca de 400 mil residências, mas ele é completamente seguro? 

Todo desenvolvimento tecnológico enfrenta oposições no seu decorrer, mas de acordo com a Union Concerned Scientists, UCS - União dos Cientistas Preocupados em tradução livre- o Natrium pode apresentar um risco maior do que o habitual, sendo sim, diferente dos reatores atuais, mas sem indicar sem melhor que eles, de acordo com Edwin Lyman, diretor da UCS.

https://twitter.com/terrapower
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »