27/07/2021 às 14h45min - Atualizada em 27/07/2021 às 11h24min

Em jogo acirrado, Brasil vence a República Dominicana pelo vôlei feminino

Ambas seleções venceram dois sets, o que forçou o tie break. Brasil venceu o 5° set por 15x12

Josimara Megiato - labdicasjornalismo.com
Jogadoras de vôlei da seleção brasileira feminina. Imagem/Reprodução: CBV

A Seleção Brasileira feminina de vôlei venceu a República Dominicana por 3 x 2 nesta terça-feira. Foi a segunda partida do time nas olimpíadas de Tóquio e a segunda vitória. No momento, o Brasil está muito próximo da classificação para as quartas de final, pois é vice- colocado do grupo A com cinco pontos; enquanto as dominicanas ocupam a  quarta colocação, com apenas um.
 

A República Dominicana fez o primeiro ponto da partida, mas em seguida a experiente Fê Garay fez o primeiro ponto brasilero e empatou o jogo. As dominicanas chegaram a abrir 5x3, porém mais uma vez, Garay marcou para o Brasil. Ainda no primeiro set, o técnico Marcos Kwiek pediu desafio por bola dentro da quadra brasileira, e o recurso foi bem sucedido. Ponto domincano, que em seguida, desperdiça o saque e devolve a  bola para as brasileiras. As dominicanas têm um treinador brasileiro há 13 anos. Kwiek, vem modernizando o voleibol na República Dominicana.



O placar estava 15x14 para as dominicanas e ainda foi tempo de mais um desafio para as dominicanas. E mais um, bem sucedido. O pedido foi por uma possível boa fora, que se confirmou. Carol Gattaz marcou para o Brasil, e em seguida foi vez das brasileiras pedirem desafio por toque das dominicanas na rede. O desafio foi bem sucedido, e o Brasil empatou a partida por 16x16. 

 

A partir disso, o jogo ficou extremamente acirrado, ponto a ponto. A diferença de pontuação se mantém em apenas um ponto, ou no empate. Até que a República Dominicana fez 24 pontos à 2. Era saint point para as, dominicanas  entretanto uma das destaques da partida Fê Garay salvou e fez ponto para o Brasil. Mas em seguida, a jogadora Martinez explorou o bloqueio brasilero, a bola vai para fora e a República Dominicana fechou o primeiro set. As jogadoras brasileiras Gabi e Garay fizeram 6 pontos no primeiro set, sendo então as maiores pontuadoras brasileiras do set. 


No segundo set a seleção brasileira começou mais confiante abrindo boa vantagem sobre as dominicanas. O Brasil criou mais forças, se empolgou e abriu 10 à 3 contra as dominicanas. Os ataques brasileiros davam certo, bloqueios bem sucedidos e até ponto de saque.

 

 

A República Dominicana chegou a  encostar, porém o Brasil se manteve à frente durante todo o set. O Brasil impondo o ritmo de jogo, chegou a abrir então oito pontos de vantagem sobre as  rivais. E com isso, as dominicanas já tinham perdido o fôlego para uma possível virada inacreditável. Então Garay pontua para o Brasil,  fecha o set em 25 a 17, Brasil vence o segundo set e empata o jogo. 

O jogo foi extremamente equilibrado, uma partida complicada para ambos os lados. No terceiro set as brasileiras se mantiveram à frente novamente, Carol Gattaz pontuou algumas adversárias, e assim venceram o terceiro set por 25 a 13, último  ponto veio com erro da jogadora dominicana Catuilho que atacou para fora. 

 

O quarto set começou com a seleção brasileira pontuando bem, com bons ataques. Mas logo a República Dominicana virou o jogo. Em seguida, uma das grandes jogadoras do Brasil conseguiu empatar o jogo e deixar em 18x18. A partir daí, foi tensão total, afinal caso o Brasil vencesse o set, seria vitória brasileira na partida. O placar se mantinha no empate, ambas pontuaram por vez. Até que as dominicanas fecharam o quarto set com uma vitória por 25 a  23.

 

Às dominicanas forçaram o  tie break que já começou disputado. O jogo chegou a  ficar 10 a 10. As brasileiras então embalaram e quando a  partida estava 14x12 para as brasileiras o técnico da seleção dominicana até tentou, pedindo desafio, porém nada feito, MATCH POINT pro Brasil, que fechou com 15x12 e venceu a partida contra as dominicanas. 


O Brasil tem agora dois jogos e duas vitórias nestas olimpíadas, o que deixa a seleção em uma situação confortável para a classificação. Afinal, dos seis integrantes do grupo, os quatro primeiros se classificam para as quartas de final da competição. O próximo confronto é com as donas da casa, na quinta-feira (29), às 7:40 (Horário de Brasília) contra a seleção do Japão. 

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »