14/09/2019 às 19h36min - Atualizada em 14/09/2019 às 19h36min

Escola Católica dos EUA baniu livros da saga Harry Potter

Reverendo diz que consultou exorcistas dos Estados Unidos e de Roma que também lhe aconselharam a proibir as obras por conter "feitiços reais"

Josué Ernandes - Editado por Milena Iannantuoni
(Foto: Divulgação/ Warner)
A franquia de Harry Potter não foi muito bem aceita por uma escola católica de Nashville nos Estados Unidos. O reverendo Dan Reehil que cuida da escola "St. Edward", proibiu todos os livros da franquia da escritora J.K. Rowling de sua biblioteca, por achar que as obras possuem feitiços reais que "podem conjurar espíritos malignos". Reehill mandou e-mails para os responsáveis dos alunos anunciando a decisão, explicando que havia consultado diversos exorcistas dos Estados Unidos e de Roma que também lhe aconselharam a banir os livros. 

“Esses livros apresentam a magia como algo benigno e maligno, o que não é verdade. Os encantos e as maldições apresentados nos livros são encantos e maldições reais, e quando lidos por um ser humano causam o risco real da evocação de espíritos malignos pela pessoa que lê a obra”, dizia o reverendo nos e-mails enviado para os pais dos alunos. 


Foto: Divulgação/ Warner Bros

A postura do clérigo gerou polêmica, mas isso não impediu de que a decisão de remover os livros fosse alterada. Após a repercussão do caso, Rebecca Hammel, a superintendente das escolas católicas de "Nashville", emitiu um comunicado informando que a decisão do reverendo Reehil era particular e não está vinculado à opinião do grupo da escola. "Cada reverendo tem autoridade canônica para tomar essas decisões em sua escola paroquial. Ele está dentro de sua autoridade para agir dessa maneira", disse ela 

Rebecca ainda explicou que cabe aos pais decidirem o conteúdo que os filhos consomem. "Se os pais considerarem que essa ou qualquer outra mídia é apropriada, esperamos que eles apenas orientem seus filhos e filhas a entender o conteúdo através das lentes de nossa fé. Nós realmente não somos censuradores de livros, apenas trabalhamos para garantir que o material que colocamos em nossas bibliotecas escolares seja apropriados para a idade de nossos alunos", finalizou ela 

REFERÊNCIAS:

ALVOS, Robinson Samulak. ESCOLA CATÓLICA PROÍBE LIVROS DE HARRY POTTER POR CONTEREM FEITIÇOS 'REAIS'. Disponível em <https://www.google.com/amp/s/m.megacurioso.com.br/amp/educacao/111854-escola-catolica-proibe-livros-de-harry-potter-por-conter-feiticos-reais.htm > Acesso em: 10 setembro de 2019

LIRA, Evandro. HARRY POTTER – ESCOLA AMERICANA BANE LIVROS DA SÉRIE ALEGANDO QUE ELES PODEM “CONJURAR ESPÍRITOS MALIGNOS”!. Disponível em < https://legiaodosherois.uol.com.br/2019/harry-potter-escola-americana-bane-livros-da-serie-alegando-que-eles-podem-conjurar-espiritos-malignos.html > Acesso em: 10 de setembro 2019.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »