15/02/2021 às 15h55min - Atualizada em 15/02/2021 às 14h23min

Prefeito de Maringá (PR) anuncia possível produção de vacinas no município

Pedro Pupulim - Editado por Ana Paula Cardoso
Fonte: Divulgação Tecpar
Na última sexta-feira (5), o prefeito da cidade de Maringá (PR) anunciou através de sua conta oficial no twitter que a cidade possivelmente terá uma fábrica de vacinas.

A notícia foi dada primeiramente pelo Chefe da Casa Civil do Paraná, Guto Silva, e depois replicada pelo prefeito Ulisses Maia aos seus seguidores.

 
“Temos dois grandes laboratórios de multivacinas hoje no país e precisamos de uma terceira via. O Governador Ratinho Junior está pleiteando que seja instalada no Paraná, em Maringá”, afirmou Guto.
 
Um dos laboratórios da Universidade Estadual de Maringá (UEM) alcançou o registro de nível três, requisito importantíssimo para permitir que a cidade instale uma fábrica de vacinas.

Ulisses contou que a intenção do governo estadual é realizar a construção a partir do Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar). Com isso, a cidade se tornaria o terceiro maior pólo produtor de imunizantes do país, atrás apenas do Instituto Butantan e da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

 
“Maringá é empregadora e inovadora. Tem tecnologia, capital humano e todo apoio necessário do poder público para mais esta oportunidade”, afirmou o prefeito.

Ele ainda ressaltou que a planta multivacinas atenderia as demandas do Sistema Único de Saúde (SUS). Contudo, não há previsão de datas para o início da construção.“O projeto é do governo do Estado e ainda está bem no início. Não existem datas ainda sobre a implantação, e estamos aguardando os andamentos para que se realize.”

CONVENIÊNCIA E NECESSIDADE

O anúncio ocorre em um momento crucial para a saúde pública do Brasil. A imunização da população contra a Covid-19 começou em janeiro deste ano, mas em ritmo preocupante.

Até então, apenas 1,5% dos habitantes foram vacinados. Nessa perspectiva, serão mais três anos de espera, até que pelo menos 70% dos brasileiros sejam vacinados. Só assim os hábitos de convívio do “velho normal” poderão ser retomados.

 
“O Brasil vai precisar de uma nova fábrica de vacinas, temos um pedido protocolado pelo Tecpar com essa possibilidade. É um projeto ousado, precisa de muito trabalho, mas estamos animados. Temos interesse e estamos trabalhando para isso”, disse Guto Silva.

Apesar das autoridades alegarem que o principal problema na distribuição de vacinas seja justamente a falta delas, há outros fatores a serem ressaltados. Problemas burocráticos e logísticos vem impedindo que o país aumente sua capacidade de vacinação diária. Até o dia cinco de fevereiro, dez milhões de doses estavam prontas, mas apenas três milhões foram distribuídas.

Segundo José Cássio de Moraes, professor da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa (SP), o país vacina 165 mil pessoas por dia, ritmo bem abaixo da capacidade.

 
“O Programa Nacional de Imunizações (PNI) pode vacinar, tranquilamente, dois milhões de pessoas por dia e é uma estimativa conservadora, levando em conta que só exista um vacinador em cada uma das 40 mil salas de vacinação do país”, afirma o médico sanitarista.

A VOZ DO GOVERNO

Em 6 de janeiro, o ministro da saúde Eduardo Pazuello revelou, em pronunciamento oficial em rede nacional de rádio e televisão, que o Brasil teria assegurado 354 milhões de doses da vacina e que essa quantia seria o suficiente para imunizar em torno de 83% da população brasileira. No entanto, as doses foram asseguradas via contrato, que ainda precisa ser cumprido. Na mesma oportunidade, o ministro afirmou não haver prazo para que o país atinja este número de cidadãos imunizados.

 

REFERÊNCIAS:

O VALE. 
No ritmo atual, Brasil só conseguirá vacinar 70% da população em 2024. Disponível em: <https://www.ovale.com.br/_conteudo/brasil/2021/02/121559-no-ritmo-atual--brasil-so-conseguira-vacinar-70--da-populacao-em-2024.html> Acesso em 12 de fevereiro de 2021.

SAIBA JÁ NEWS. Chefe da Casa Civil diz que governo pretende instalar fábrica de vacinas em Maringá. Disponível em: <https://www.saibaja.news/2021/02/chefe-da-casa-civil-diz-que-governo.html> Acesso em 12 de fevereiro de 2021.

AGÊNCIA BRASIL. Pazuello: 354 milhões de doses estão garantidas. Disponível em:
<https://agenciabrasil.ebc.com.br/radioagencia-nacional/saude/audio/2021-01/pazuello-354-milhoes-de-doses-de-vacina-estao-garantidas> Acesso em 12 de fevereiro de 2021.

GMC ONLINE. Governo do Estado estuda instalar fábrica de vacinas em Maringá. Disponível em: <
https://gmconline.com.br/destaques/governo-do-estado-estuda-instalar-fabrica-de-vacinas-em-maringa/> Acesso em 12 de fevereiro de 2021.


 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »