13/08/2019 às 21h25min - Atualizada em 13/08/2019 às 21h25min

Encceja: Entenda como funciona

Saiba como obter o certificado doo Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos

Mariana Costa - Editado por Mário Cypriano
Logo - Imagem: divulgação
O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) foi criado com o intuito de conceder certificados de conclusão de ensino fundamental a nível nacional, e certificados de conclusão de ensino médio para quem não teve oportunidade de concluir os estudos na idade escolar adequada, para jovens e adultos residentes em liberdade no Brasil, no Exterior e para detentos.

A edição 2019 acontecerá no dia 25 de agosto. O horário varia quanto à cidade em que a prova será realizada, devidamente adequado ao horário oficial de Brasília. Para conseguir o certificado, a idade mínima é de 15 anos para o Ensino Fundamental e 18 anos para o Ensino Médio. O candidato deve ter completado a idade até a data de realização da prova.

O cálculo das notas nas provas é feito com base na Teoria de Resposta ao Item (TRI), que avalia a coerência dos acertos, ou seja, não adianta acertar as mais difíceis e errar as mais fáceis, pois subentende-se que o candidato chutou. A pontuação que pode ser obtida vai de 60 a 180 pontos.

O participante deve atingir o mínimo de 100 pontos (dos 180 possíveis) em cada uma das áreas de conhecimento do Encceja para conseguir a aprovação. O nível 100 dessa escala significa que o participante aprendeu o mínimo necessário para conseguir a certificação. Na redação, o participante deve atingir uma nota igual ou acima de cinco pontos (a nota vai até 10). O texto da folha de redação será corrigido por dois corretores de forma independente, sem que um conheça a nota dada pelo outro.

O candidato aprovado recebe um certificado autêntico, emitido por órgãos autorizados pelo Ministério da Educação (MEC), como institutos federais e secretarias estaduais de educação. O certificado pode ser utilizado para ingressar na faculdade, prestar concursos públicos ou ingressar no curso técnico.

Para Eliene Sales, costureira de 43 anos que busca a certificação do Ensino Médio, o Encceja é a oportunidade que tanto esperava para dar continuidade aos estudos. “Quando engravidei ainda estava no ensino médio, meu ex marido implicava muito e com criança pequena quase não tinha muito tempo de ir a escola. Minha filha me falou sobre o Encceja e daí eu vi que poderia dar continuidade aos estudos. É uma oportunidade muito boa pra quem não pode concluir os estudos quando jovem” destacou.

Caso o candidato ainda não tenha concluído o Ensino Fundamental, também é possível conseguir o certificado de conclusão do Ensino Fundamental e Médio de uma só vez, tendo 18 anos ou mais no dia do Encceja 2019. As Secretarias Estaduais de Educação e os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia são responsáveis pelos certificados de conclusão do Ensino Médio e pela aprovação parcial. Portanto, o participante deverá procurar a Secretaria de Educação ou o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia indicado no ato da inscrição, para conseguir a declaração parcial e/ou certificação de conclusão do Ensino Médio. O Inep não é responsável por emitir esses documentos.

Se você participou da edição anterior e não obteve a nota necessária para passar no exame, poderá fazer a prova novamente este ano para conseguir o certificado do Ensino Médio.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »