05/09/2019 às 11h24min - Atualizada em 05/09/2019 às 11h24min

Estados Unidos vence a Turquia no sufoco

Os americanos bateram os rivais na prorrogação por 93x92

Luiz Eduardo - Editado por Paulo Octávio
FOTO: Estadão Conteúdo
Favoritos para a conquista da Copa do Mundo de Basquete, os Estados Unidos passaram perrengue para derrotar a Turquia nesta terça-feira (03), em Xangai, na China. Os norte-americanos tiveram que decidir o jogo na prorrogação e derrotaram seus adversários pelo placar de 93x92, em partida válida da segunda rodada do grupo E. O roteiro do jogo fácil contra a República Tcheca  não foi repetido, e o triunfo sobre os turcos veio apenas no tempo extra. Os estadunidenses ficaram a frente no primeiro quarto do confronto, mas a vitória fez com que o time se garantisse na segunda fase do torneio. A seleção dos EUA, atual bi campeã mundial, não conta com os principais jogadores da NBA para a disputa dos jogos. Porém, a equipe de Gregg Popovich possui outros atletas que fazem parte da liga de basquete do país.

Com apoio da torcida, a Turquia reagiu nos dois últimos períodos e chegou a estar com a vantagem de 81 a 79 no instante em que faltava um décimo para o fim da partida. Foi aí que o árbitro marcou falta de Cedi Osman em cima de Jayson Tatum, quando o norte-americano tentou lançar uma bola de três pontos. Dessa forma, o desportista teve direito a três lances livres, que poderiam acabar com o duelo. Entretanto, só dois deles foram convertidos, por isso a decisão foi para a prorrogação. A vitória veio graças a uma cesta de Khris Middleton, depois de ter feito dois lances livres quando o relógio apontava que faltavam apenas 2.1 segundos para o fim do tempo extra.

Os americanos agora acumulam 21 vitórias seguidas em jogos válidos por mundiais e ampliaram a invencibilidade em jogos em que atuaram os jogadores da NBA. Diante da Turquia, o quinteto foi formado por Kemba Walker, Harrison Barnes, Donovan Mitchell, Jayson Tatum e Myles Turner. Khris Middleton, que entrou no decorrer do jogo, foi o cestinha do time, e assinalou 15 pontos. Do lado turco, o ala Ersan Ilyasova, principal nome de sua seleção, marcou 23 pontos e se garantiu como cestinha da partida. Contudo, ele não conseguiu sair de Xangai com a segunda vitória na Copa. No primeiro jogo, os asiáticos venceram os japoneses por 86x67.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »