05/04/2019 às 08h32min - Atualizada em 05/04/2019 às 08h32min

Lançamentos literários do mês de abril

Os 10 lançamentos de livros do mês de Abril, pelas editoras Arqueiro, Companhia das Letras, Goya, Intrínseca, Morro Branco, Planeta, Record e Todavia.

Maria Luise Oliveira Brey de Assis
Amazon
Unsplash
Neste quadro apresentaremos a vocês, mensalmente, uma seleção dos 10 livros lançados no mês vigente, constando todas as informações necessárias para que você possa conhecê-los e adiciona-los na lista de leitura. 

De relato jornalístico a história das bruxas, os livros de abril prometem levar o leitor a mundos divergentes, passando no Brasil da década de 1960 até uma cidade na lua; com publicações caprichadas, feitas por editoras renomadas, como: Companhia das Letras, Record e Intrínseca, e, lançamentos de editoras independentes, como a Todavia. 

O destaque do mês vai para o livro Repórtes: Memórias, de Seymour M. Hersh, que relatará a vida de um renomado jornalista, uma história para ler e se inspirar. 
Confira a lista a seguir:

 
Título: Repórter: Memórias       

Autor (a):  Seymour M. Hersh 
Páginas: 384
Editora: Todavia
Data: 07/04/2019
Valor: R$74,90
Sinopse: Nesta aula de jornalismo, um dos mais polêmicos e premiados repórteres americanos  passa a limpo cinco décadas de carreira e revela os bastidores de suas investigações e histórias.  Um dos mais importantes jornalistas de todos os tempos, ao lado de nomes como Bob  Woodward e Ben Bradlee, Seymour M. Hersh circulou pelas principais redações americanas sem nunca abrir mão da independência. Suas reportagens estamparam as capas de jornais ao redor do globo e influenciaram a opinião pública em momentos decisivos da história. Foi assim no Vietnã, com suas matérias sobre o massacre de My Lai, que mostraram ao mundo uma guerra que o governo preferia esconder. Foi assim em Abu Ghraib, quando descortinou o lado mais sombrio, violento e desumano da Guerra ao Terror nos anos 2000. E foi assim também na morte de Bin Laden, quando Hersh revelou as maquinações por trás da perseguição ao terrorista. Neste extraordinário livro de memórias, o leitor conhecerá as histórias que o tornaram célebre e os tempestuosos bastidores de suas reportagens. Como um jornalista chega a uma fonte? Como segue uma pequena pista até descobrir um grande furo? Em meio a essa verdadeira aula de jornalismo, Hersh relembra também sua relação com políticos e alguns dos grandes nomes das redações americanas.Num momento em que o jornalismo está sob fogo cerrado, Repórter é um testemunho sobre o poder da palavra escrita e uma crônica mordaz dos nossos últimos cinquenta anos.

 
Título: Artemis              

Autor (a): Andy Weir
Páginas: 304
Editora: Arqueiro
Data: 07/04/2019
Valor: R$44,90
Sinopse: Jazz Bashara nunca desejou ser uma heroína. na verdade, ela é uma criminosa, uma  pequena  contrabandista.
A vida em Artemis, a primeira e única cidade na lua, é difícil se você não for um turista ou um  empresário rico, ainda mais se está com dívidas e seu trabalho mal cobre o aluguel.
Por isso, quando surge a oportunidade de ganhar uma enorme quantia cometendo o crime perfeito, Jazz não consegue recusar. A questão é que esse delito é apenas o começo de seus problemas, pois a fará cair no meio de uma conspiração pelo controle de Artemis.
Impulsionada pela narrativa sarcástica da protagonista, ambientada em uma cidade imaginária, mas extremamente familiar, Artemis é outra mistura irresistível de ciência, suspense e humor de Andy Weir, o autor de Perdido em Marte.

 
Título: Se eu fechar os olhos agora           

Autor (a):  Edney Silvestre
Páginas: 266
Editora: Record
Data: 08/04/2019
Valor: R$39,90
Sinopse: Nova edição do Romance que ganhou o Jabuti e que agora é série da Globo. Em uma pacata  cidade do interior fluminense na década de 1960, dois meninos de 12 anos, Paulo e Eduardo, encontram  o cadáver mutilado de uma linda mulher às margens de um lago. Os amigos vão à polícia para relatar o  ocorrido e, após um interrogatório agressivo, passam a ser tratados como suspeitos, mas são liberados  quando o marido da vítima confessa o crime.
No entanto, a brutalidade do assassinato, a indiferença da polícia e a falta de lógica da explicação oficial para o crime os deixam intrigados, levando-os a tentar descobrir por conta própria o que, de fato, há por trás do caso. Contando com a ajuda de um velho misterioso, ex-preso político da ditadura Vargas, a investigação dos garotos desvendará um perverso painel em que violência sexual, racismo, corrupção e espúrias alianças políticas se misturam em uma trama eletrizante e comovente.

Título: Uma mulher vestida de silêncio: A biografia de Maria Thereza Goulart                                          

Autor (a): Wagner William 
Páginas: 644
Editora: Record
Data: 08/04/2019
Valor: R$56,99
Sinopse: A vida da mais célebre primeira-dama do Brasil com relatos inéditos de acontecimentos da vida íntima dos Goulart que se misturam à vida política do país. Uma mulher vestida de silêncio revela a  trajetória extraordinária de Maria Thereza Goulart. Filha de imigrantes italianos, nascida em uma  pequena cidade fronteiriça do Rio Grande do Sul, tornou-se a mais jovem primeira-dama do Brasil, capa  das maiores revistas nacionais e internacionais. Mas quem, de fato, era aquela moça tão linda, tão fora de padrão, que encantou o país comandado pelo marido?
A biografia dessa personalidade forte e ao mesmo tempo frágil, alvo de enorme interesse e admiração, inveja, competição e preconceitos, conta também a história de um dos mais importantes períodos da multifacetada vida política e social do Brasil.

 
Título: Na contramão da liberdade: A guinada autoritária nas democracias contemporâneas        

Autor (a): Timothy Snyder
Páginas: 480
Editora: Companhia das Letras
Data: 11/04/2019
Valor: R$79,90
Sinopse: Em uma época em que a ascensão do populismo e do autoritarismo assombra a democracia,  Snyder mergulha na história russa, ucraniana, europeia e norte-americana para entender como chegamos aqui.
Na contramão da liberdade é a tentativa de Timothy Snyder de entender o novo tipo de autoritarismo  que emergiu de um conjunto de eventos interligados mundialmente, da Rússia aos Estados Unidos, em uma época em que a factualidade em si foi posta em xeque. 
Essa vigorosa obra de história contemporânea é baseada em uma vasta pesquisa e atravessada pela experiência pessoal do autor. Costurando fontes em russo, ucraniano, polonês, alemão, francês e inglês, Snyder vai além das manchetes para expor a verdadeira natureza da ameaça à democracia e aos direitos individuais. 
Cada capítulo é dedicado a um ano e a um episódio em particular ― a volta do pensamento totalitário (2011); o colapso da política democrática na Rússia (2012); o ataque russo à União Europeia (2013); a revolução na Ucrânia e a subsequente invasão russa (2014); a difusão da ficção política na Rússia, na Europa e nos Estados Unidos (2015); e a eleição de Donald Trump para a presidência norte-americana (2016).

 
Título: A parábola dos talentos                                                                                                      

Autor (a):  Octavia E. Butler                     
Páginas: 560                                                                       
Editora: Morro Branco
Data: 18/04/2019     
Valor: R$49,90
Sinopse: Lauren Olamina está casada e acaba de ter uma filha em Bolota, a comunidade que  construiu com outras pessoas que haviam perdido tudo. Nos últimos cinco anos, Semente da  Terra, a religião criada por Olamina cresce e se desenvolve junto com a comunidade. O país,  porém, começa a passar por uma preocupante mudança.
O candidato à presidência Andrew Steele Jarret está ganhando popularidade com a promessa de “tornar a América grande novamente” em um retorno aos valores tradicionais e cristãos. Para seus fanáticos seguidores, isso exige o fim da tolerância religiosa e de qualquer igualdade racial e de gênero – e estão dispostos a impor sua doutrina com violência.
A segurança da pequena comunidade e da família nascente de Olamina nunca foi garantida. “Deus é mudança”, mas eles sobreviverão a mais uma?

 
Título: Querem nos calar: Poemas para serem lidos em voz alta          

Autor (a):  Mel Duarte 
Páginas: 224
Editora: Planeta
Data: 20/04/2019
Valor: R$35,90
Sinopse: A antologia Querem nos calar: poemas para serem lidos em voz alta reúne poesias de 15  mulheres slammers de todas as regiões do Brasil. Os chamados poetry slams chegaram ao Brasil pelas  mãos de Roberta Estrela D’Alva, em 2008, e são batalhas de poesia falada com temática livre que tem  como destaque temas como racismo, machismo e desigualdade social.
Com prefácio de Conceição Evaristo, o livro conta também com ilustrações de Lela Brandão e é organizado pela escritora Mel Duarte, autora de uma das performances de maior destaque da FLIP 2016 e integrante do Slam das Minas - SP.

 
Título: Delírio do poder: Psicopoder e loucura coletiva na era da desinformação          

Autor (a): Marcia Tiburi
Páginas: 252
Editora: Record
Data: 20/04/2019
Valor: R$42,90
Sinopse: Como sobreviver à paranoia delirante que assola o país. Em Delírio do poder, Marcia Tiburi  analisa como a intensificação da lógica neoliberal afeta as instâncias políticas – subjetivas e  institucionais – que deveriam assegurar uma vida digna a todas, todes e todos, sem que importem a cor  da pele e a classe social. A partir de fatos públicos e vivências pessoais, a filósofa reflete sobre questões  políticas, em variados matizes – incluindo sua experiência como candidata ao governo do estado do Rio de Janeiro em 2018.
A apresentação do livro foi escrita pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, quase um ano depois de sua prisão, resultado de um processo jurídico seletivo, marcado por ilegalidades cometidas por quem deveria julgá-lo de modo imparcial.

 
Título: Oblivion Song- A canção Do Silêncio.       

Autor (a): Robert Kirkman
Ilustrador (a): Lorenzo De Felici, Annalisa Leoni 
Páginas: 144
Editora: Intrínseca
Data: 24/04/2019
Valor: R$44,90
Sinopse: Nova HQ do aclamado criador de The Walking Dead é uma distopia assustadora e  surpreendente
Anos atrás, 300 mil habitantes da Filadélfia foram transportados para Oblivion, uma nova  dimensão aterrorizante que surgiu de forma inexplicável e destruiu áreas da cidade. Os desaparecidos tentam sobreviver enfrentando seres monstruosos em um ambiente inóspito e atordoante, marcado por raros momentos de calmaria.
O governo investiu muitos recursos em incursões para resgatar as vítimas, mas depois de dez anos as buscas foram encerradas. Mesmo lamentando a perda de entes queridos, a vida seguiu seu curso para grande parte da cidade, e monumentos, memoriais e museus foram erguidos em homenagem aos que se foram. No entanto, se depender do cientista Nathan Cole, ninguém vai ficar para trás.
Nathan desenvolveu uma tecnologia extremamente instável que lhe permite visitar Oblivion todos os dias. Ele arrisca a própria vida em viagens solitárias, perigosas e muitas vezes infrutíferas na tentativa de resgatar sobreviventes. Cada vez que volta de lá, se mostra mais determinado. Mas o que Nathan procura? Por que não consegue resistir ao chamado de Oblivion, à canção silenciosa de um mundo prestes a ruir e a levá-lo junto?
Criador de The Walking Dead — série vencedora do prestigiado Eisner Awards —, Robert Kirkman retorna com seu talento para contar histórias de caos em cenários pós-apocalípticos. Oblivion Song: Canção do Silêncio narra o luto, os traumas e os limites impensáveis que ultrapassamos para consertar os erros do passado. Com o traço único de Lorenzo De Felici, o primeiro volume reúne os seis fascículos iniciais da série.

 
Título: História da Bruxaria: Feiticeiras, hereges e pagãs     

Autor (a): Jeffrey B. Russel, Brooks Alexander 
Páginas: 280
Editora: Goya
Data: 25/04/2019
Valor: R$66,60
Sinopse: Da feitiçaria antiga aos recentes movimentos neopagãos, a história da bruxaria está nas  entrelinhas da própria História. As bruxas são um estereótipo duradouro e mutável na mentalidade  coletiva. Sua tradição, repleta de perseguições e reviravoltas, tem uma trajetória silenciosa, mas não por  isso menos verdadeira e devastadora. História da bruxaria é o mais abrangente estudo sobre o tema, e o  discute de forma lúcida e estimulante, sob diferentes perspectivas.
Os autores examinam a gênese, o auge e o declínio da caça às bruxas e revelam como a bruxaria sobreviveu, ressurgiu, se reciclou e atua na sociedade contemporânea.

 
Editado por Leonardo Benedito.
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »