27/02/2020 às 23h58min - Atualizada em 27/02/2020 às 23h58min

Afogados surpreende e elimina o Atlético-MG; crise causa demissão de Dudamel

Time pernambucano se aproveita do péssimo jogo do Galo e ganha com emoção nos pênaltis

Fabiana Meireles - Editado por Paulo Octávio
Eduardo Erê celebra passagem do Afogados. Foto: Sportv
A Zebra deu o ar dá graça na segunda fase da Copa do Brasil. O Afogados de Ingazeira (390 KM de Recife) eliminou o Atlético Mineiro por 7 x 6 nos pênaltis, após empate em 2 x 2. Candinho e Philip fizeram para à Coruja do SertãoRicardo Oliveira e Gabriel empataram.  Assim, em 26 de fevereiro de 2020, o time pernambucano teve uma noite histórica em sua vida curta e conseguiu seu maior feito. Curiosamente, o Afogados foi fundado no dia 18 de dezembro de 2013, a mesma data em que o Galo foi eliminado pelo Raja Casablanca, no Mundial de Clubes de 2013. O piso salarial do time pernambucano é de 120 mil reais; já o orçamento do clube mineiro para este ano gira em torno 137,5 milhões em pagamentos de salários e encargos. Assim a agremiação de Ingazeira ganha 1,5 milhão de reais como prêmio pela passagem à terceira fase.

Na madrugada desta quinta (27), saiu a informação da demissão de Dudamel e de sua comissão.
O venezuelano não resistiu após início instável no Campeonato Mineiro e eliminação na primeira fase da Sul-Americana, para o Unión Santa FéTreinador é o segundo estrangeiro contratado no início do ano por time brasileiro que já foi demitido. Anteriormente, Augusto Inácio foi mandado embora do Avaí no dia 14.  


1º TEMPO 

Atlético-MG
foi a Pernambuco enfrentar o Afogados, nesta quarta-feira, pela segunda fase da Copa do Brasil. O time mineiro entrou em campo com uma escalação defensiva, com três zagueiros: Maidana, Igor Rabello e Gabriel. O primeiro tempo foi morno com grandes chances criadas pelo time de pernambucano, que teve sua primeira oprotunidade nos primeiros minutos, com Douglas Bomba, que mandou para fora. Aos 17 minutos, Guga driblou na área, mas não balançou as redes. Aos 36' minutos, Jader e Thalisson tentaram de fora da área e passaram perto do gol de Michael.

2º TEMPO

O segundo tempo começou com o Galo atacando mais. Mas quem levou perigo primeiro foi o Afogados. Aos nove minutos, Candinho de cabeça errou o alvo. Aos 16 minutos, Candinho tentou de novo e fez um golaço de fora da área. Atlético não desanimou e foi para cima. Dois minutos depois Gabriel empatou após bate e rebate na cobrança de escanteio de Otero. Aos 21 minutos, o zagueiro Márcio levou segundo cartão amarelo por falta em Jair, foi expulso e deixou Afogados com um jogador a menos. Acuado, Dudamel tirou Maidana e Jair  para entrada de Savarino e Ricardo Oliveira, respectivamente. Aos 27, o camisa 9, Philip, saiu driblando a defesa e fez o segundo gol do time pernambucano. Seis minutos depois, Ricardo Oliveira empatou novamente após cruzamento de Arana. O centroavante não fazia gol há seis meses. Com o empate no tempo regular, a decisão foi para os pênaltis.

PÊNALTIS 

Atlético abriu dois a zero. Nas primeiras cinco cobranças Otero, Ricardo Oliveira e Savarino convertaram os pênaltis para o Atlético-MG, enquanto Nathan e Allan perderam. Já no afogados, Thalisson, Philip e Willian Gaúcho marcaram as penalidades. Diego Ceará e Douglas Bomba mandaram para fora. Com o empate, a decisão foi para as cobranças alternadas. Na sétima, o zagueiro Gabriel, do Galo, mandou para fora. Na cobrança do Afogados, Heverton fez o gol, que levou o time pernambucano para próxima fase da Copa do Brasil.

PRÓXIMOS CONFRONTOS

Na terceira fase da Copa do Brasil, o Afogados encara o vencedor de Ponte Preta e Vila Nova (GO), que jogam nesta quinta (27), às 21h30 (horário de Brasília), em Campinas.  Agora time pernambucano volta suas atenções para o campeonato estadual, torneio em que ocupa a quarta posição. No sábado vai enfrentar o Sport, às 16h, na Ilha do Retiro. Já o Atlético pega o Boa, no domingo, em Varginha, às 19h.



 Veja os melhores momentos do jogo. Canal: Futebol da Galera. Imagens: TV Globo
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »