23/03/2020 às 15h16min - Atualizada em 23/03/2020 às 15h16min

Atalanta x Valencia pode ter propagado coronavírus na Itália, diz estudo

Partida envolveu times de duas das regiões que mais sofrem com a pandemia

Paulo Octávio - Editado por Amanda Cruz
Torcida do Atalanta no San Siro. Foto: Daniele Mascolo/Reuters
A partida entre Atalanta e Valencia, jogo válido pela Liga dos Campeões, foi histórico por um motivo positivo e outro negativo. O emergente time italiano venceu por 4 x 1 e conseguiu pela primeira vez chegar às quartas de final da competição continental -- na volta ganhou por 4 x 3. Por outro lado, a partida deve ter sido um dos principais focos de disseminação do coronavírus na Itália. Apesar de não haver uma prova científica, existem argumentos que embasam essa tese.

"A aglomeração de milhares de pessoas a centímetros umas das outras associadas a manifestações de euforias, gritos, abraços, pode ter favorecido a replicação viral. Estamos falando de uma ênfase coletiva de uma festa histórica", disse  Francesco Le Foche, professor de Reumatologia de Ciências Biomedicas, em entrevista ao jornal Corriere dello Sport. O caso será estudado pela Universidade de Roma e foi revelado pelo jornal La Repubblica

O jogo aconteceu um dia antes da confirmação do primeiro caso de Covid-19 na Itália. Em 19 de fevereiro ainda não havia medidas de proteção como a quarentena. Torcedores de Bergamo -- que até 21 de março tinha 3.800 casos -- viajaram 60 km para o Estádio San Siro, em Milão, a mais afetada no país da bota. Nessa região, há mais de oito mil pessoas que contraíram a doença. Não se sabe o número de adeptos e de profissionais envolvidos com a partida que foram contaminados. Porém, é fato que o time espanhol foi um dos mais atingidos com a pandemia. Cinco jogadores foram infectados, entre eles o zagueiro argentino Ezequiel Garay, mas não se sabe onde eles contrairam o coronavírus. Nomes dos outros atletas e de integrantes da comissão técnica que ficaram doentes não foram divugados. Ao menos, o estádio não estava completamente lotado. O San Siro tem capacidade para mais de 81 mil torcdores, e o jogo foi visto por 45 mil pessoas.

Já a partida de volta foi realizada no dia 10 de março com portões fechados em Mestalla, Valencia, que é a terceira região mais populosa da Espanha. Apesar da proibição da presença do público, torcedores se aglomeraram em bares próximos ao campo para apoiar o time e assistir ao jogo (foto abaixo). E alguns jogadores estavam nos camarotes.


 Foto: Agência EFE

UEFA ESTIPULA DATAS PARA RETORNO DO FUTEBOL

Os jogos dos campeonatos europeus foram adiados e não se sabe quando vão retornar. A UEFA trabalha com três datas para a volta das atividades. A preferência é por 30 de junho quando seria encerrada a temporada 2019-2020. O plano B é 31 de julho e o pior cenário seria 31 de agosto, pois nesse dia seria o começo da temporada 2020-2021. Mas a entidade vai aguardar a evolução da doença para tomar a melhor decisão. Entretanto, a Eurocopa, que seria disputada em junho, ficou para o ano que vem. Campeonatos nacionais foram suspensos na 30ª rodada. A Liga dos Campeões e Liga Europa tiveram interrupção nas oitavas de final.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »