15/05/2021 às 08h45min - Atualizada em 15/05/2021 às 09h37min

Star Wars: Bad Batch estreia e aquece os corações dos fãs da franquia

Bruno Cunha - Editado por Fernanda Simplicio
A Disney anunciou que um dos produtos de Star Wars para o seu serviço de streaming seria Bad Batch, um spin-off de Clone Wars, já que seus eventos estariam ‘ligados’ de alguma forma. E agora que ela enfim começou a ser exibida na plataforma com episódios semanais, percebemos que ela irá além de apenas mais uma animação baseada no universo de George Lucas.

The Bad Batch conta a história de uma tropa de elite formada por clones altamente habilidosos e geneticamente diferentes de seus irmãos do Grande Exército da República. A série tem a responsabilidade de abordar um dos pontos mais sombrios da franquia, a execução da Ordem 66, onde os clones executaram os jedis.

Na equipe apresentada temos Hunter, o líder da equipe com frases intensas e uma tatuagem no rosto; Crosshair, o melhor atirador de elite, mas esquentado; Wrecker (demolidor), a força bruta da equipe; Tech, o gênio da informática; e Echo, um clone que se tornou um ciborgue e que se sente mais à vontade com essa turma heterogênea.



Nos primeiros episódios percebemos que essa equipe diferente que vimos nos materiais de divulgação é realmente uma mistura de personalidades, trejeitos e formas de agir. Esses defeituosos (Bad Batch, significa isso) não respondem com os clones que conhecemos em Clone Wars.

E por falar na série ‘original’, pra deixar claro que esta animação está ligada ao que foi construído nas temporadas, o logo de Bad Batch aparece na tela depois que o logo de Clone é destruído. O primeiro episódio, que por enquanto é o mais longo (Uma hora de duração) é o mais didático possível nessa transição, até quem não conhece o universo das animações entende rapidamente onde a história está inserida na linha do tempo de Star Wars.

Mesmo com os ‘defeitos de fábrica’ da equipe, eles constroem uma amizade e se mostram distintos dos clones, já que alguma consciência dentro eles. Afinal, eles recebem a ordem e não a executam. E eles não entendem por que os heróis são agora vilões com a instauração do Império.

Abordar um dos períodos mais sombrios da história da franquia em uma animação voltada para um público mais jovem é um desafio, pois além de significar a morte de muitos jedis, traz o crescimento do império e alguns conceitos de ditadura que apenas os fãs mais antigos estão acostumados. E eles resolveram fazer isso logo no começo do primeiro episódio, mostrando que essa será uma das tramas centrais.



Dave Filoni, um dos nomes por trás dos novos produtos de Star Wars, faz algumas escolhas seguras aqui. Mantém o traço de Clone Wars, sua forma de mostrar os combates e trilhas sonoras. Isso ajuda a não causar nenhum estranhamento no espectador e mostrar que houve uma preocupação na continuidade da história.

Claro que não é Star Wars, sem aqueles personagens fazendo aparições em alguns momentos, temos alguns rostos conhecidos, como de Saw Guerrera (Rogue One) que inclusive apareceu já nos matérias de divulgação, mas pela narrativa se situar antes de Rogue One, Han Solo e da trilogia clássica, não é nenhuma loucura pensar que teremos personagens conhecidos nos mais de 16 episódios prometidos para a primeira temporada de Bad Batch.

Após uma trilogia que se encerrou em um filme morno e pouca receptividade pelo público, um produto mais nostálgico era o ideal. Bad Batch preenche o coração do fã e mostra que temos muitas histórias de Star Wars que não recebeu um bom aprofundamento e até mesmo histórias duras merecem ser contadas do jeito certo.
 

Importante lembrar que Star Wars: Bad Batch estreou na Disney+ em 04 de maio, com episódios semanais. A primeira temporada terá 16 episódios. E ainda levará divertimento para os fãs da saga. 

REFERÊNCIAS

ALIAGA, V. 
Bad Batch é motivo para sorrir de novo como fã de Star Wars. IGN BRASIL. 09 de mai. 2021. Disponível em: < https://br.ign.com/star-wars-the-bad-batch/89216/feature/bad-batch-motivo-para-sorrir-fa-star-wars > . Acesso em 11 de mai. 2021.

GAROFALO, N. The Bad Batch expande universo Star Wars e explora momento sombrio da galáxia. OMELETE. 04 mai. 2021. Disponível em < omelete.com.br/star-wars/star-wars-the-bad-batch-primeiras-impressoes >: . Acesso em 11 de mai. 2021.

MONTENEGRO, J. Primeiras Impressões | The Bad Batch – Nova série ‘Star Wars’ retoma o hype da franquia. CINE POP. 04. mai. 2021. Disponível em:  < https://cinepop.com.br/primeiras-impressoes-the-bad-batch-nova-serie-star-wars-retoma-o-hype-da-franquia-294176/ >. Acesso em 11 de mai. 2021







 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »