27/10/2021 às 19h37min - Atualizada em 26/10/2021 às 23h28min

O Rei Leão, curiosidades e suas lições sobre o filme

A animação musical, aborda assuntos interessantes. Em meio ao ciclo da vida, muita coisa pode acontecer. Descubra algumas curiosidades e aprenda com o filme!

Larissa Andrade - editado por Luhê Ramos
Capa do filme "O Rei Leão" | Fonte: Disney Fandom

O Rei Leão é uma animação produzida por Don Hahn e dirigido por Roger Allers e Rob Minkoff. Lançado em 1994, a animação fala de Simba, um filhote de Leão que em breve ocupará o lugar de seu pai Mufasa e isso faz com que seu tio Scar fique com inveja para tentar ser Rei.

A trilogia foi um marco na infância de muita gente. Prova disso foi que em 2019, o lançamento de O Rei Leão se tornou a maior “live-action” já produzido da Disney. A arrecadação total foi de US$1,66 bilhões de dólares e o custo de produção foi US$260 milhões. Se tornou também a 10° maior bilheteria de todos os tempos, ultrapassando Pantera Negra (2018).

Curisidades sobre a trilogia

  • A animação conta com a trilogia. O fator interessante é que alguns animadores viajaram até o Quênia para se  inspirarem e o lugar escolhido foi o Parque Nacional Hell's Gate, onde foram em 1991 para obterem algumas ideias. Alguns dos ambientes vistos no filme foram inspirados em lugares que eles visitaram durante a viajem.
  • O primeiro diretor escolhido para o filme George Scribner, queria fazer um documentário animado parecido com National Geographic, mas deixou o projeto quando soube que a Disney iria transformar o filme em um musical.
     
  •   Após Timão se cansar da vida em meio ao bando de Suricatos, Pumba começou  a segui-lo, pois se preocupava muito com sua segurança, por isso, os dois se tornaram grandes amigos.
     
  • O Rei Leão foi inspirado também em “Hamlet" obra de William Shakespeare, só que de forma muito adaptada ao infantil. O filme ganhou até apelido “Bamblet", de um dos roteiristas. Na peça, o fantasma do pai do protagonista pede ao filho que ele mate o seu tio Cláudio por tirar o trono dele. Já Mufasa apenas pediu para Simba que ele se tornasse rei, posto que era seu por direito e não solicitou a morte de Scar, seu tio. (Apesar de Scar não ter salvado a vida de Mufasa, não impediu Simba de se tornar Rei).
     
  •  A música famosa “Hakuna Matata" não estava no roteiro original. Na verdade era uma música que falava sobre a alimentação de insetos chamada “Ele tem tudo bem-efeito". Ela foi inspirada na viajem para o Quênia e então eles criaram uma música que até hoje faz sucesso.
     
  • Além do filme ter sido desenhado a mão, o especialista em vidas selvagem Jim Fowlerlevou animais para o estúdio, para que os animadores pudessem estudar seus movimentos. 

Conheça mais curiosidades sobre o filme!

Aprendendo com o Rei Leão

Identidade

É muito importante descobrir quem nós somos. Com a perda do pai, Simba se esquece do caminho que tem que seguir e não sabe como é viver uma vida sem o pai. Logo, Rafiki diz para Simba: "o passado pode doer, mas nós podemos escolher entre fugir ou aprender com o que aconteceu". Muitas das vezes nós fugimos dos problemas, porque é mais fácil, mas isso não foi uma boa opção para Simba. Adiante mostra a cena do lago, onde Simba ouve a voz do pai: “Você se esqueceu de mim. Você esqueceu quem você é e se esqueceu de mim. Olhe para dentro de você. Você é muito mais do que pensa que é. Você tem que ocupar o seu lugar no ciclo da vida. Você é meu filho e o verdadeiro rei. Lembre-se de quem você é”. Aqui, definitivamente foi profundo!

Muitas vezes no nosso processo, esquecemos de quem somos, do que somos chamados a fazer e ser, essa parte do filme, não diz só sobre Simba, mas fala de nós também. Durante o nosso caminho surgem muitas coisas, que nos afastam do nosso objetivo e nos atrapalham a seguir o nosso chamado, isso vai continuar existindo, mas cabe a nós, pensar se aquilo nos ajuda ou atrapalha durante a caminhada.


Paternidade

O filme fala muito sobre paternidade e sobre pai e filho. Simba aprende com seu pai que a vida é um ciclo e que cada um interfere no destino do outro. Tem uma parte no filme que Mufasa fala: “Olhe, Simba, tudo isso que o sol toca é o nosso reino. O tempo de um reinado se levanta e se põe como o sol. Um dia, o sol vai se por com o meu tempo aqui. E vai se levantar com o seu, como um novo rei”, aqui claramente o pai explica que as coisas são passageiras e que nada é parar sempre e que um novo dia há de vir após o pôr-do-sol.
Em outro diálogo entre pai e filho, Mufasa ensina também que admitir que sente medo é um ato corajoso e tá tudo bem mostrar o nosso sentimento e emoção. 

Legado

Já de início,  sabemos que Scar tem interesse em ser rei, mas isso não acontece, pois Simba é o herdeiro do trono. Após se perder no caminho, o filhote entende o legado que seu pai deixou pra que ele pudesse dar continuidade e isso é muito profundo. Todos nós somos únicos  e cada um tem sua vocação, mas qual o legado que você quer deixar?
 
O filme também nos ensina sobre amizades, o luto, resiliência e como seguir em frente levando nossos antepassados conosco na jornada. A vida “é o ciclo sem fim que nos guiará, à dor e emoção, pela fé e o amor até encontrar o nosso caminho neste ciclo, neste ciclo sem fim”.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »