17/10/2020 às 20h40min - Atualizada em 17/10/2020 às 20h35min

Soteldo deve ser vendido por quase 40 milhões de reais

Confirmação da transferência depende apenas do “sim” do atacante, já que o Santos aceita vender

Cristian Moraes Rocha - editado por Thamyres Pontes
Soteldo em treino no Santos — Foto: Ivan Storti/Santos FC


O venezuelano Yeferson Soteldo, 23 anos, pode estar se despedindo do Brasil. O atacante do Santos, está com negociações avançadas com o Al-Hilal, da Arábia Saudita. No que depender da decisão do clube paulista, está tudo certo, faltando apenas a manifestação do desejo do jogador para sacramentar a negociação, de aproximadamente, sete milhões de dólares (39,5 milhões de reais na atual cotação). Esta foi a segunda proposta que o clube do Oriente Médio apresentou ao time da Baixada. Na última semana, o Al-Hilal havia feito uma oferta de seis milhões de euros, recusada pelo Peixe.

Em entrevista, concedida à TNT, o treinador do Santos, Cuca, declarou, no intervalo da partida do último sábado (17), contra o Coritiba, que esta seria a última do atacante. “Não é que eu vejo como a chance de ser o último jogo. É o último jogo dele. Fizemos a preleção em cima disso. Um jogador muito importante para nós e vai seguir a vida dele. Para uma melhora em termos financeiros, temos que saber entender.” Entretanto, para que a transação seja concluída,  precisa da aprovação do Conselho Deliberativo do Santos



Soteldo comemora o gol de pênalti contra o Coritiba — Foto: Gabriel Machado / Estadão Conteúdo
 

Soteldo chegou ao Santos em janeiro de 2019, vindo do Huachipato, do Chile, pelo valor de três milhões e meio de dólares (13 milhões de reais na época). O atleta foi a primeira contratação do ex-treinador Jorge Sampaoli, pelo clube santista, que na temporada acabou se tornando um dos destaques da equipe, conquistando o título de Vice-Campeã Brasileira, com o saldo de nove gols em 31 jogos e cinco assistências.

Na atual temporada, o venezuelano conta com três gols em 25 jogos. A vontade inicial do camisa 10, era esperar até o final da temporada para tentar realizar o sonho de jogar na Europa. Mas, com os altos valores apresentados, o jogador pode mudar de ideia. Outro fator que explica a venda, é a crise financeira que o Santos se encontra, com dívidas na FIFA

Além disso, o time santista também está em débito com o ex-clube de Soteldo
Huachipato, referente ao valor de sua transferência, que segundo o clube chileno, não foi realizada. O pagamento era para ser realizado de maneira parcelada, por conta disso, o Santos está impedido de registrar novos jogadores por três janelas. 

Outra situação que fragilizou a relação entre os clubes, foi a tentativa de contratação de Soteldo, no início desse ano, pelo Atlético-MG, clube comandando por Jorge Sampaoli, comprando a fatia do jogador pertencente ao Huachipato. 

O time chileno aceitou a proposta de 51 milhões de reais, o que culminou em uma tentativa de forçar o Santos a comprar os outros 50%, caso a oferta não fosse aceita. O Alvinegro Praiano disse não a ambos clubes, e ainda renovou o contrato com Soteldo, causando irritação pelo lado chileno. 

Soteldo é destro, com 1,60 m de altura, atua como ponta ou segundo atacante. Começou a carreira no Zamora, clube do seu país natal, depois foi para o Huachipato, em 2017, e então foi emprestado ao Universidad de Chile, em 2018, onde se destacou com sete gols em 37 jogos. Atualmente, é jogador da seleção principal da Venezuela


 

 

 

 
 

 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »