12/07/2021 às 02h54min - Atualizada em 12/07/2021 às 02h47min

Itália bate a Inglaterra nos pênaltis e conquista a sua segunda Eurocopa

Shaw abriu o marcador com dois minutos, e Bonucci empata na segunda etapa; goleiro Dannarumma foi decisivo nos pênaltis

Carolina Lipares - Editado por Paulo Octavio
Itália comemorando a Eurocopa (Foto: Reprodução Michael/Regan/Reuters)
Após o empate de 1x1 no tempo normal, a Itália venceu a Inglaterra nos pênaltis e conquistou a Eurocopa pela segunda vez. O primeiro título do Azzurra foi em 1968. Agora os italianos estão empatados com a França, que também tem duas taças, e atrás de Espanha e Alemanha, os maiores vencedores da competição, com três. Essa foi primeira vez que os ingleses disputaram a decisão continental.

PRIMEIRO TEMPO

Com apenas dois minutos da primeira etapa, a Inglaterra abriu o marcador. Kane acionou Trippier, que cruzou na medida para Shaw bater de primeira e fazer o gol. Em desvantagem, a Itália tentou diminuir o ritmo do time da casa e aparecer mais na partida. A primeira chance da Azzurra foi com Insigne, que cobrou direto e a bola passou por cima do travessão.

Já nos 18 minutos, Chiesa tentou chegar, mas foi desarmado. O Time Azul estava com dificuldades de se impor na partida. Após esse lance, Jorginho sentiu dores no joelho e foi atendido. Deixou o gramado por alguns minutos e voltou a campo. Logo depois, o atacante Chiesa novamente chegou pela esquerda, cruzou rasteiro, mas o Maguire tirou. Em seguida, Insigne tentou o toque no meio para Immobile e, de novo, o zagueiro tirou.

Com paciência, os italianos trocavam passes buscando espaços. Por outro lado, a Inglaterra se fechava esperando o contra-ataque. Aos 34 minutos, Chiesa chutou de fora da área e a bola passou à direita do gol inglês. Nos últimos minutos, o Time Azul pressionou com Immobile, mas estava impedido.  Em seguida, após cobrança de lateral, Insigne errou e mandou a bola para a linha de fundo.

Por fim, nos acréscimos, Veratti chutou de longe, mas Pickford fez a defesa, e Bonucci arriscou, mas a bola passou à direita do goleiro inglês. O primeiro tempo terminou com o English Team à frente no placar.
 
SEGUNDO TEMPO

Na volta para o gramado, Inglaterra voltou atacando e tentando repetir o que fez no primeiro tempo. Sterling recebeu a bola dentro da área, sofreu choque com Bonucci e caiu no gramado. O árbitro nada deu. Dois minutos depois, veio a resposta italiana. Insigne em cobrança de falta manda a bola perto do ângulo de Pickford. Aos 16 minutos, Chiesa se livrou da marcação e finalizou cruzado. O arqueiro inglês fez outra grande defesa.
 
O empate veio cinco minutos depois. Na cobrança de escanteio de Emerson, a bola sobrou para Veratti, que cabeceou a bola na trave, e, no rebote, Bonucci apareceu para empurrar para rede. No minuto seguinte, Chiesa chutou com força, porém a bola passou por todo mundo. Só dava Itália. A equipe de Roberto Mancini seguia pressionando. No minuto 27, Bonucci mandou no campo de defesa, Berardi finalizou de primeira, mas mandou para fora.
 
Na metade da segunda etapa, o Time Azul mantinha a posse de bola, enquanto o English Team tinha dificuldades para atacar. Aos 40 minutos, um torcedor sem camisa invadiu o gramado e a partida foi paralisada por mais de um minuto. Após a invasão, o jogo não teve mais grandes emoções. Itália estava sem pressa e segurava a bola no campo de ataque, e a Inglaterra, totalmente fechada. Por fim, o duelo terminou empatado no tempo normal.
 
PRORROGAÇÃO

A prorrogação começou em ritmo lento. Aos seis minutos, Phillips mandou à direita do gol de Donnarumma. Aos 12 minutos foi a vez da Itália responder. Bernardeschi tentou finalizar na primeira trave, Pickford afastou. Belotti ficou com a sobra e quase sem goleiro mandou para fora. A primeira parte da prorrogação foi marcada por poucas chances de gols criadas.

Já na segunda metade do tempo extra, ambas equipes tiveram lances perigosos. Logo no primeiro minuto, Bernardeschi cobrou forte direto para o gol e exigiu uma ótima defesa do goleiro inglês. Em seguida, Belotti cruzou rasteiro no meio da área, porém a arbitragem marcou o impedimento. Phillips também tentou em cobrança de falta direta, mas Donnarumma ficou com a bola. Nos minutos finais, os dois times não arriscavam mais e a decisão foi para os pênaltis.
 
PENALIDADES

Berardi abriu a série e bateu no canto direito para converter o primeiro pênalti para a Itália. Em seguida, Harry Kane empatou para a Inglaterra. Já na segunda cobrança, Belotti mandou no canto esquerdo e o goleiro inglês defendeu.

Maguire converteu para os ingleses, e Bonucci para o Time Azul. Rashford, que tinha entrado na prorrogação, mandou a bola na trave, e Bernardeschi recolocou a Itália em vantagem. Sansho, que também entrou nos minutos finais do tempo extra, desperdiçou a cobrança. Jorginho, que tinha o título em seus pés, perdeu após Pickford fazer uma bela defesa. Por fim, Saka parou em Donnarumma e viu o troféu parar as mãos da Itália.
 
PRÓXIMOS CONFRONTOS

Ambas as equipes jogam pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo no dia 2 de setembro. A Itália recebe a Bulgária, às 15h45 (horário de Basília). Por outro lado, a Inglaterra visita a Hungria, no mesmo dia e horário do jogo dos italianos.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »