03/09/2019 às 21h07min - Atualizada em 03/09/2019 às 21h07min

Internacional e Cruzeiro lutam por um lugar na final e na história

Colorado tem a vantagem do empate para chegar a decisão; Cruzeiro luta pela sua nona final no torneio

Beatriz Torres - Editado por Paulo Octávio
CRÉDITO DA FOTO: Arte/ GloboEsporte.com

Porto Alegre vai parar nesta quarta feira com as partidas de volta das semifinais da Copa do Brasil com a expectativa para formação do clássico Grenal na final do torneio. O feito se concretizará se o Grêmio  passar pelo Athletico Paranaense, e o Internacional confirmar a vantagem diante o Cruzeiro. Colorado  venceu o jogo de ida no Mineirão por 1 a 0 e necessita de um empate para passar de fase. Já a Raposa terá que vencer por dois gols de diferença ou por um a zero para levar aos pênaltis. Caso consiga ir para final, Cruzeiro erá o primeiro time a disputar nove decisões. Árbitro Flávio Rodrigues de Souza  comandará o jogo. O juiz apitou o clássico entre Atlético e Cruzeiro, pelas quartas de finais deste torneio. Devido ao dia histórico, a RBS, afiiada da Rede Globo, decidiu passar os dois jogos ao vivo para o Rio Grande do Sul e Paraná (nesses estados o Jornal Nacional será exibido das 21h às 21h30). O resto do Brasil verá só o duelo entre gaúchos e mineiros no Beira-Rio.

INTERNACIONAL

Depois de vencer o Botafogo pelo Campeonato Brasileiro, Inter começou a preparação para o próximo jogo contra o Cruzeiro no CT Parque Gigante, na manhã desta segunda-feira(2). O lateral-direito Bruno ficou de fora da última partida, mas estará presente  em campo para tentar garantir a final da Copa do Brasil. Nico López também volta ao time titular após algumas partidas no banco de reserva. Ele está aliviado com fim do jejum de 24 jogos sem gols. Paolo Guerrero e D'Alessandro serão seus companheitos de ataque. Já Wellington Silva, com problemas físicos, é a única baixa.  Apesar da vitória e da vantagem, o colorado vai com garra para cima do rival. Os ingressos já estão esgotados; mais de 48 mil torcedores estão otimistas pela conquista da final e apoiarão o clube do início ao fim. 
Provável Inter: Marcelo Lomba; Bruno, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Lindoso Edenílson, Patrick, D´Alessandro e Nico López; Paolo Guerrero. Técnico: Odair Hellmann


CRUZEIRO

Para partida desta quarta, a raposa não terá Orejuela, que serve a seleção colombiana, não estará em campo. Por isso, Rogério Ceni colocará Edilson, que não disputa nenhuma partida desde maio, ou Jadson 
na lateral-direita. A derrota no jogo de ida foi um divisor de águas para o clube mineiro. Após mais um fracasso, o técnico Mano Menezes não superou a pressão por causa de mais uma eliminação e foi demitido -- antes o Cruzeiro caiu na Copa Libertadores. Ceni foi acionado para ocupar o lugar de Mano e conseguiu o feito de tirar o time da região crítica da tabela. Agora tentará superar a desvantagem e colocar a raposa na sua nona final de Copa do Brasil. Além de estragar a possibilidade do clássico Grenal na decisão.
Provável Cruzeiro: Fábio; Edilson (Jadson); Dedé, Fabrício Bruno (Leo) Egídio; Henrique e Robinho; Marquinhos Gabriel, Thiago Neves, David e Pedro Rocha. Técnico: Rogério Ceni

HISTÓRICO DE CONFRONTOS

Gaúchos e mineiros já se enfrentaram em 83 jogos.  Até dia 07 de agosto, data do jogo de ida, foram 31 vitórias do Internacional, 29 do Cruzeiro e 23 empates. Este confronto é inédito em Copas do Brasil.

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »