03/03/2021 às 22h09min - Atualizada em 03/03/2021 às 21h53min

Com times alternativos, Corinthians e Palmeiras empatam pelo Paulistão

Timão sofreu com vários jogadores contaminados pela Covid-19 e o Verdão focado na Copa do Brasil poupou os titulares

Vinícius Garone - Editado por Juan Camilo
Debaixo de muita chuva, Derby termina empatado - Foto: Divulgação/Twitter/Paulistão
Na noite desta quarta-feira (3), em um Dérbi muito disputado, Corinthians e Palmeiras empataram em 2 a 2 na Neo Química Arena, pela 2ª rodada do Campeonato Paulista. O Verdão chegou a abrir dois gols de vantagem com Lucas Lima e Gabriel Silva. No entanto, após uma grande chuva e o gramado ficar com poças, o Timão nivelou as ações, reagiu e conseguiu a igualdade nos gols de Mateus Vital e Rodrigo Varanda. 

Com dois empates em dois jogos, o Corinthians com dois pontos chega à liderança do Grupo A, mas pode mudar por que Santo André e Botafogo-SP ainda jogam na rodada. Já o Palmeiras com um jogo a menos, tem um ponto e aparece na lanterna do Grupo C. E volta o foco todo para decisão de domingo (7), pela Copa do Brasil. 

Vale ressaltar que a árbitra do clássico, Edina Alves Batista, foi a primeira mulher da história a comandar o Derby Paulista.

PRIMEIRO TEMPO 

O Palmeiras começou tomando conta da posse de bola e bem postado na defesa. Com quatro minutos, Cantillo errou na saída de bola, e deu a bola nos pés de Danilo, que abriu para Lucas Lima na direita. O meia entrou a área, deixou o Gil para trás e chutou na saída do goleiro Matheus Donelli, abrindo o placar para o Verdão

Enquanto isso o Timão que não conseguia trocar passes, depois do gol sofrido, melhorou um pouco e chegou a assustar. Cantillo acionou Lucas Piton na esquerda, que cruzou na pequena área e encontrou Rodrigo Varanda. O atacante cabeceou firme e a bola passou muito perto do gol. 

Aos 24 minutos, o Alviverde usou aquilo que faz de melhor. A transição rápida da defesa para o ataque e ampliou a vantagem. Gustavo Scarpa recuperou a bola e passou para Willian na esquerda, que invadiu a área e cruzou rasteiro para o meio da área. Gabriel Silva ganhou da zaga e marcou o segundo gol do time - esse foi o primeiro tento do atacante pelo time principal. 

Precisando se recuperar no jogo, o Alvinegro partiu para cima e voltou a levar perigo. Primeiro com Mateus Vital, que cortou para o meio e bateu colocado, mas a bola saiu próximo a trave. Na sequência, Varanda recebeu a bola no meio e chutou forte. No entanto, o goleiro do Palmeiras espalmou e mandou para linha de fundo. 

Na reta final da primeira etapa, a chuva apertou bastante em Itaquera e os times tiveram que mudar as estratégias por conta da quantidade de água no gramado. Nesse estilo de jogo, o Corinthians se adequou mais rápido e conseguiu diminuir o placar aos 35 minutos. Jemerson lançou bola na área, Jô competiu no alto com Luan, porém a bola sobrou com Mateus Vital. O meia dominou e finalizou bem no canto, sem chances para o goleiro. 

Já nos minutos finais, cada time ainda teve uma chance em bolas paradas, contudo os goleiros foram bem. A chuva ajudou o clube do Parque São Jorge que não vinha bem no jogo e prejudicou o rival, que utilizava muito bem os contra-ataques em velocidade. Mas a partida seguiu com a vitória parcial do Palmeiras por 2 a 1. 

SEGUNDO TEMPO 

O Corinthians voltou do intervalo com tudo e no primeiro ataque empatou a partida. Roni acionou Mateus Vital na esquerda, que cruzou na área. Rodrigo Varanda ganhou na disputa de Renan e chutou com efeito na saída do goleiro Vinicius Silvestre - foi o primeiro gol de Varanda com a camisa do Timão pelo profissional. 

Minutos depois o Verdão retornou a levar perigo. Willian Bigode tabelou com Gabriel Silva, finalizou bem e marcou o gol. Porém a arbitragem assinalou a posição de impedimento do atacante. 

Com o decorrer do tempo, o duelo ficou mais equilibrado. Enquanto o Timão levava perigo nas bolas pelo alto, já pelo chão tinha dificuldades em furar a defesa alviverde. Em contrapartida, o Verdão melhorou o sistema defensivo, mas no ataque pecava nas finalizações. 

A melhor chegada do Palmeiras na segunda etapa saiu dos pés de Victor Luis. O lateral levou pelo meio e bateu forte de fora da área, mas Matheus Donelli nas pontas dos dedos fez uma grande defesa. Já o Corinthians não conseguiu mais definir as jogadas ofensivas, e o clássico terminou empatado. 

PRÓXIMOS CONFRONTOS 

Ambos os times voltam a campo no próximo domingo (7). O Corinthians duela contra a Ponte Preta, na Neo Química Arena, às 11h (horário de Brasília), pelo Campeonato Paulista. Por outro lado, o Palmeira enfrenta o Grêmio, no jogo de volta da final da Copa do Brasil, às 18h (horário de Brasília).

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »